Gestão Financeira

14 julho, 2017 • Gestão Financeira

Crédito para empresas: encontrando a melhor solução para o meu negócio

Uma das preocupações mais frequentes para quem tem um negócio é o dinheiro: é preciso ter para investir e fazer com que a empresa dê mais dinheiro para que se sustente. As linhas de crédito para empresas são soluções disponíveis para que o negócio continue crescendo com todas as contas em dia.

No entanto, existem diferentes opções no mercado, e saber qual opção se adequa melhor à sua condição é fundamental para que sua empresa tenha um crescimento financeiro saudável.

Para isso, conversamos com Cláudio Rubbo, Gerente Regional de Negócio da Caixa Econômica Federal, que contou sobre os diferentes tipos de soluções financeiras para empresas.

Existe momento certo para pedir crédito?

Antes de saber qual é a melhor opção de crédito para o meu negócio, a dúvida mais frequente é se devemos, naquele momento, pedir crédito. Cláudio acredita que organização e planejamento são as respostas-chave para essa pergunta.

“É muito importante que a empresa e seus sócios estejam sempre organizados na questão documental e de cadastro, pois sempre que for buscar um crédito no sistema financeiro, esses fatores serão relevantes para aprovação do crédito nas linhas adequadas”.

Além disso, planejar com antecedência para que a empresa esteja preparada para arcar com esses custos é fundamental.

Quais são os tipos de linhas de crédito para empresas disponíveis?

Uma busca rápida no Google mostra que existem diversas instituições oferecendo muitas linhas de crédito para empresas. Em meio a tantas opções, fica difícil saber qual seria a melhor solução financeira para um caso específico, mas Cláudio simplifica: “as linhas básicas dividem-se em investimento, capital de giro e antecipação de recebíveis”. Essas diferentes linhas de crédito se adequam a diferentes necessidades e é preciso analisar para saber qual delas está mais relacionada às suas necessidades.

O investimento é aquele financiamento para empresas que estão em fase de implantação ou que querem expandir e modernizar. Ou seja, é um dinheiro normalmente utilizado para a compra de equipamentos, móveis, obras e reformas.

O capital de giro é usado para compras de mercadorias, despesas administrativas e quaisquer outros gastos que estão associados ao giro de capital da empresa.

Já a antecipação de recebíveis é uma forma de financiamento que transforma valores pagos a prazo pelos seus clientes em recursos à vista, que podem ser utilizados de acordo com a necessidade da sua empresa.

Como saber qual é a melhor modalidade de financiamento para a minha empresa?

Se a empresa está “flertando” com a possibilidade de um investimento, Cláudio acredita que é preciso se fazer duas perguntas: eu tenho espaço para crescimento? O custo do financiamento é adequado às minhas margens? Se a resposta para ambas as perguntas é sim, então estou apto a uma linha de investimento.

No caso do capital de giro, Cláudio explica que a empresa deve estar em outra situação. “Se tenho demanda e não tenho recurso suficiente para fazer estoque, então seria o momento de buscar uma linha de capital de giro, desde que seu custo seja suportado pela minha margem”, explica.

A antecipação de recebíveis segue outra linha de raciocínio: “Se, para aumentar as vendas, for necessário conceder prazo para meus clientes, eu posso buscar uma linha que antecipe esses recebíveis. Porém, sempre devemos levar em conta que o custo desse recurso precisa estar contemplado na minha margem, ou seja, na minha formatação do preço”.

Se você tem dúvidas sobre qual linha de crédito é a mais adequada para sua empresa, o Sebrae do Mato Grosso do Sul criou o Dia do Crédito, durante o qual você recebe atendimento especializado e fica sabendo tudo sobre as diferentes modalidades de financiamento, quais são suas taxas e, finalmente, qual solução está mais adequada para o seu perfil. Acesse o Portal do Sebrae e tenha mais informações sobre esse evento.

 


Que bom tê-lo como leitor do blog do Sebrae MS!
Tem interesse em saber mais sobre as nossas consultorias?

Clique aqui!







Deixe seu Comentário