Casos de Sucesso

Negócio que se adapta chega mais longe

“Para sobreviver e ter sucesso, cada organização tem de se tornar um agente da mudança. A forma mais eficaz de gerenciar a mudança é criá-la”. A frase de Peter Drucker, considerado o “Pai da Administração Moderna”, é do século passado; mas seu ensinamento é atemporal.

Desde sempre as coisas mudam e uma empresa que não se adapta às mudanças corre sérios riscos de deixar de existir. No entanto, acompanhar as tendências de mercado não significa copiar os concorrentes, nem seguir o que está na moda. Para sobreviver, as empresas precisam descobrir a sua maneira de surpreender, encantar, conquistar, atrair o público, para que a adaptação seja de fato estratégica para o negócio.

Prestes a completar dois anos, o Santo Gol é exemplo de empresa que observou o comportamento dos clientes e se adaptou. O foco do negócio é a locação das quadras de futebol society e de vôlei de areia e a escola de futebol, mas há 8 meses começou a oferecer uma nova modalidade: o treinamento funcional.

“Muitos pais traziam os filhos para a aula de futebol e ficavam aqui ociosos. Oferecer as aulas de funcional é uma forma de otimizar a rotina deles, pois a família pratica atividade física ao mesmo tempo. A novidade atraiu novos clientes também, que se interessaram pelo treinamento independente das outras atividades que temos”, conta a empresária Ana Flavia Fogolin Domingos.

Com um pouco mais de tempo de existência no mercado, a Doceria & Buffet 2 Amores já passou por, pelo menos, duas adaptações em cinco anos. O negócio nasceu como uma pequena doceria, nove meses depois inaugurou seu salão e serviço de buffet e, recentemente, passou a vender seus pratos do buffet por quilo para quem quiser levar para casa.

À frente do negócio, Erika Ramos Rossi de Moraes atribui todas essas mudanças às oportunidades que surgiram, mas também à sua atenção aos clientes.

“Ouvir e compreender os novos costumes, as necessidades e os desejos dos clientes foram fundamentais nesse processo de mudança e expansão. Nossa empresa trabalha com sonhos e quando a gente realiza esse sonho da melhor maneira, aquele cliente vira a nossa melhor propaganda”, defende a empresária.

Dar essa importância trouxe resultados. Quando a 2 Amores abriu, os funcionários eram o esposo e a filha de Erika. Hoje são 29 colaboradores e, em média, sete eventos por dia (entre corporativos, empresariais, sociais), para os quais Erika contrata freelancers e praticamente dobra a equipe.

Nascer Bem

Depois de trabalhar como bancária por 17 anos, Erika quis empreender e escolheu o Programa Nascer Bem para começar o seu negócio. Além disso, outras consultorias do Sebrae MS ajudaram a empresária nessa trajetória. Clique aqui e saiba mais sobre o Programa.

Se você quer fazer bonito como a Ana e a Erika, dá uma lida nesse artigo para descobrir Como identificar as mudanças necessárias para sua empresa.

O Sebrae oferece também curso on-line sobre Expansão, para você entender qual a estratégia de crescimento certa para seu negócio, e consultorias em Marketing.


Que bom tê-lo como leitor do blog do Sebrae MS!
Tem interesse em saber mais sobre as nossas consultorias?

Clique aqui!







Deixe seu Comentário