Casos de Sucesso

De vendedor de garapa a dono de uma rede familiar de floriculturas

marrocosO conceito já é clichê, mas o poder criador e transformador da combinação de sonho com trabalho árduo e persistente é mesmo extraordinário. São vários os exemplos bem-sucedidos dessa fórmula; pequenas histórias de pessoas que transformam sua vida e a de todos ao seu redor.

É o caso de Carlos Roberto da Silva Rosa, 55 anos, que há 36 anos iniciou sua longa jornada como vendedor ambulante de garapa pelas ruas de Campo Grande. Com bastante esforço e apoio de muita gente tão dedicada quanto ele, hoje conduz uma rede de floriculturas na capital e no interior de Mato Grosso do Sul, a Floricultura Marrocos.

Depois de começar como vendedor de garapa ainda aos 19 anos e sem ponto fixo, Carlos logo percebeu que precisava ampliar sua oferta de produtos para crescer.

Decidiu então vender temperos caseiros e, logo depois, mudas de plantas. Quando as vendas fraquejavam em Campo Grande, pegava o trem pela manhã na estação da Avenida Calógeras e partia para Aquidauana, voltando no final da tarde quase sempre sem mais nada nas mãos.

E foi dessa forma que, pouco a pouco, Carlos tornou-se o pioneiro de uma família de 11 irmãos no ramo da floricultura, agregando com o tempo mais quatro irmãos ao negócio.

A família própria também cresceu bastante e, dos seis filhos, três trabalham com flores. Muito desse sucesso deve-se à relação que ele soube construir com as pessoas que o ajudam há muito tempo. O florista Amarildo, carinhosamente apelidado de “Amarelo”, está com ele há cerca de 30 anos. A gerente Cristiane, também trabalha há muitos anos na Marrocos.

Persistência – Grandes corporações levam décadas ou até séculos para serem construídas. Mas isso não é exclusividade delas. Pequenos negócios de sucesso também são resultado de muito trabalho ao longo de muito tempo, do esforço empreendedor e, principalmente, de imensa persistência de pessoas que, na maioria das vezes, trocam uma vida mais fácil num emprego cômodo por um sonho. E esse sonho só se concretiza quando convertido em anos ou décadas de trabalho árduo.

É com essa fórmula que o Brasil tem mais de 95% de seus empreendimentos, atualmente gerando mais de 17 milhões de vagas com carteira assinada, exatamente como Cristiane e “Amarelo”. Carlos hoje pode trabalhar em sua loja matriz exatamente onde costumava fazer ponto para vender garapa – e onde certa vez chegou a ter toda a mercadoria apreendida por falta de alvará – deixando-lhe uma certeza: “Quando aplicada com muita perseverança, a fórmula ‘sonho + trabalho árduo + tempo’ é infalível”.

Texto: Fernanda Oliveira para a campanha do Movimento Compre do Pequeno- Sebrae.
Texto original publicado no Campo Grande News.

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.









Deixe seu Comentário