Casos de Sucesso

ABC do empreendedorismo também se aprende em sala de aula, no interior de MS

Em Porto Murtinho, o assunto passa a ser tema de disciplina da rede pública de ensino municipal.

A implantação do Projeto de Apoio ao Desenvolvimento Econômico dos Municípios (Prolocal) não está apenas criando um ambiente propício para as micro e pequenas empresas nas cidades beneficiadas, mas está modificando também a cultura da gestão pública municipal.

Em Porto Murtinho, por exemplo,o empreendedorismo é um assunto que os alunos da rede pública de ensino aprendem na escola. O tema foi destaque da 9ª Jornada Pedagógica, que reuniu mais de 500 educadores do município e, a partir de 2012, vai estar presente nas salas de aula.

A pedido do prefeito da cidade, Nelson Cintra Ribeiro, o Sebrae/MS encaminhou para o município uma consultora para auxiliar os professores no processo de construção da nova disciplina.

A professora e consultora do Sebrae/MS, Ana Cristina Trevelim, disse que os educadores de Porto Murtinho serão pioneiros em Mato Grosso do Sul e uns dos primeiros do País a discutir o empreendedorismo em sala de aula.

Já o técnico da Regional Sudoeste do Sebrae/MS, Adelino Ferreira da Costa Marques, falou que a iniciativa é excelente, porque as crianças e jovens desenvolvem a cultura empreendedora em meio ao processo educacional.

Na Lei

A inclusão do empreendedorismo entre as disciplinas das escolas públicas de Porto Murtinho foi feita, através de uma lei municipal, segundo a secretária de Educação, Esporte e Lazer da cidade, Rita de Cássia Padilha.

“O prefeito, com apoio do Conselho Municipal de Educação, apresentou o projeto à Câmara Municipal no ano passado e os vereadores, sensibilizados pela importância do tema para o futuro da cidade, aprovaram por unanimidade a proposta”, comenta a secretária.

A Lei Municipal nº 1.478, de 5 de outubro de 2011, institui o Projeto Educacional de Empreendedorismo nas escolas da rede pública de ensino de Porto Murtinho, favorecendo os alunos do sexto ao nono ano do Ensino Fundamental.

De acordo com a secretária de Turismo, Indústria e Comércio de Porto Murtinho, Vivian Cruz, essa proposta pedagógica inovadora possibilitará transformar as competências básicas do aluno em capacidade empreendedora.

Fonte: Jornal Conexão Sebrae, ed. 62.

Em Porto Murtinho, o assunto passa a ser tema de disciplina da rede pública de ensino municipal.

A implantação do Projeto de Apoio ao Desenvolvimento Econômico dos Municípios (Prolocal) não está apenas criando um ambiente propício para as micro e pequenas empresas nas cidades beneficiadas, mas está modificando também a cultura da gestão pública municipal.

Em Porto Murtinho, por exemplo,o empreendedorismo é um assunto que os alunos da rede pública de ensino aprendem na escola. O tema foi destaque da 9ª Jornada Pedagógica, que reuniu mais de 500 educadores do município e, a partir de 2012, vai estar presente nas salas de aula.

A pedido do prefeito da cidade, Nelson Cintra Ribeiro, o Sebrae/MS encaminhou para o município uma consultora para auxiliar os professores no processo de construção da nova disciplina.

A professora e consultora do Sebrae/MS, Ana Cristina Trevelim, disse que os educadores de Porto Murtinho serão pioneiros em Mato Grosso do Sul e uns dos primeiros do País a discutir o empreendedorismo em sala de aula.

Já o técnico da Regional Sudoeste do Sebrae/MS, Adelino Ferreira da Costa Marques, falou que a iniciativa é excelente, porque as crianças e jovens desenvolvem a cultura empreendedora em meio ao processo educacional.

Na Lei

A inclusão do empreendedorismo entre as disciplinas das escolas públicas de Porto Murtinho foi feita, através de uma lei municipal, segundo a secretária de Educação, Esporte e Lazer da cidade, Rita de Cássia Padilha.

“O prefeito, com apoio do Conselho Municipal de Educação, apresentou o projeto à Câmara Municipal no ano passado e os vereadores, sensibilizados pela importância do tema para o futuro da cidade, aprovaram por unanimidade a proposta”, comenta a secretária.

A Lei Municipal nº 1.478, de 5 de outubro de 2011, institui o Projeto Educacional de Empreendedorismo nas escolas da rede pública de ensino de Porto Murtinho, favorecendo os alunos do sexto ao nono ano do Ensino Fundamental.

De acordo com a secretária de Turismo, Indústria e Comércio de Porto Murtinho, Vivian Cruz, essa proposta pedagógica inovadora possibilitará transformar as competências básicas do aluno em capacidade empreendedora.

Fonte: Jornal Conexão Sebrae, ed. 62.


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.







Comentários

  1. Abadia disse:

    Poxa…. isso é exemplo para as cidades de todo o estado. Moro em Três Lagoas e seria uma boa ter aulas de empreendedorismo, pois é melhor aprender na escola do que na vida!!




Deixe seu Comentário