Dicas de Empreendedorismo

02 junho, 2017 • Dicas de Empreendedorismo

O “não” que pode salvar sua produtividade

Este conteúdo também está disponível em versão de áudio. Clique para ouvir:

Crescemos sendo repreendidos por nossos pais, avós, tios e professores, ouvindo mais “nãos” do que “sins”. Justamente por isso, temos a impressão de que dizer “não” aos outros é uma coisa ruim. O problema é que, de tanto dizer “sim”, acabamos acumulando trabalhos e funções e ficando sobrecarregados, perdendo qualidade e produtividade, prejudicando não só nossa vida profissional como também nossa vida pessoal.

“Se ao longo da vida, a palavra ’não’ estiver associada – mesmo que inconscientemente – a situações traumáticas, dizer “não” significa, para essa pessoa, causar sofrimento ao outro também”.

A explicação é da psicóloga Fernanda Vasconcellos Machado, que esclarece, ainda, outros motivos pelos quais algumas pessoas têm dificuldade de dar respostas negativas: tentar agradar ao outro por necessidade de aprovação e dificuldade de se responsabilizar por suas próprias decisões.

“Ao renunciar de necessidades individuais em prol da necessidade do outro e priorizar solucionar problemas alheios, podemos prejudicar relacionamentos, a família, o trabalho, a saúde. Normalmente, a pessoa apresenta um grau intenso de sofrimento, com a sensação de os outros estarem sempre tirando vantagem dela, mas não percebem que a dificuldade está nela mesma”, esclarece Fernanda.

Dizer “não” vai muito além do que parece

Aprender a dizer “não” não significa negar tudo o que lhe for solicitado. Dizer “não” significa se colocar acima do que nos dá prazer ou dor. Significa reconhecer o que é essencial para a sua vida. Significa saber onde você quer chegar. Significa fazer sacrifícios.

Certa vez o revolucionário Steve Jobs disse: “Concentre-se naquilo que você é bom e delegue todo o resto”. E por que Jobs disse isso? Por que é preciso aprender a dizer “não” para o nosso próprio Ego.

Muitas atividades do seu dia a dia consomem muito tempo e energia e não trazem nenhum retorno. Pare e pense em quais são elas. Quando descobrir, delimite aquilo que é de fato importante e que precisa ser feito por você; o restante você pode delegar ou fazer em outro momento.

Como nem sempre é fácil atingir este patamar, Fernanda defende buscar a ajuda de uma psicoterapia. “O autoconhecimento vai ajudar essa pessoa a compreender o que está por trás dessa dificuldade, assim como fortalecer esse indivíduo emocionalmente para conseguir de adaptar de forma mais saudável ao seu meio”, explica.

Algumas dicas para ter produtividade sem culpa

Enquanto você não pode ou não quer procurar ajuda especializada, separamos aqui algumas dicas para você se posicionar em algumas situações, dizendo não na hora certa e sem sentir culpa.

  1. Alguém pede sua ajuda, mas você está explodindo de trabalho

Ao invés de aceitar de primeira ou simplesmente dizer que não pode, você pode explicar para a pessoa que está realmente ocupado(a) e perguntar se pode contribuir de alguma outra forma. Você pode também perguntar se o prazo dessa tarefa pode ser adiado para que você possa ajudar em outro momento ou indicar outras pessoas que poderiam ajudar tanto quanto você.

Para não sentir culpa, lembre quantas vezes você pediu algo e não puderam te ajudar.

  1. Seu/Sua chefe pede tarefas paralelas o tempo todo

Falar “não” para o chefe parece até ofensa, mas, acredite, você pode fazer isso de outra forma: explicando que está ocupado e focado em determinada tarefa e pedindo para que ele repriorize as tarefas. A ideia é que ele entenda que você quer e pode ajudar, mas que fazer várias coisas ao mesmo tempo não é saudável nem inteligente.

  1. O não mais difícil

Dizer não às distrações é tão essencial quanto os outros para garantir a concentração e a produtividade. Redes sociais, vídeos, fotos, mensagens. Deixe estas distrações bem longe – e de preferência em modo silencioso – para que você possa fazer o que precisa ser feito. Depois disso, ou nos intervalos de descanso, você pode se entregar a estas distrações sem peso na consciência.

Fonte: RunRun.it

 

Quero receber mais conteúdos como esse

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.







Um Comentário

  1. Marcio disse:

    Com certeza delegar é um habito que deve ser praticado.
    Eu estou aprendendo a delegar.

    Muito bom o conteúdo.




Deixe seu Comentário