INBOUND

08 outubro, 2019 • INBOUND

Diretrizes para uma descrição de cargos eficaz

A descrição de cargos é uma ferramenta fundamental para que a sua empresa tenha uma liderança e gestão de pessoas eficaz. Registrar por escrito todos os cargos e atribuições que existem na sua empresa vai te ajudar – e muito – na hora de contratar um novo funcionário e até mesmo para fazer a análise de desempenho de cada cargo existente.

Seja qual for o seu objetivo, como líder e dono do próprio negócio, você precisa estar atento ao desenvolvimento humano da sua companhia. E é importante lembrar que você precisa revisar, de tempos em tempos, a descrição de cargos para que os objetivos da sua empresa estejam sempre alinhados com os resultados que você quer alcançar.

Quer saber como se tornar mais confiante, organizado e transparente quando o assunto é descrição de cargos? Acompanhe o texto para pegar as seguintes diretrizes:

  1. Qual a importância da descrição de cargos?
  2. Processos da descrição de cargos

2.1 Coleta de dados

2.2 Como elaborar uma descrição de cargos atraente

2.3 Onde divulgar quando uma vaga estiver disponível?

3. Dicas extras para ter uma descrição de cargos eficaz: o que você deve evitar?

Vamos lá!

  1. Qual a importância da descrição de cargos?

O que mais gera desconforto, dores de cabeça e até mesmo processos trabalhistas, é o desvio de função do funcionário. Para evitar tudo isso, é preciso deixar bem claro o desempenho de cada um na sua empresa, tanto para que a sua liderança seja mais eficaz, para orientar da melhor maneira o seu colaborador, quanto dar mais segurança para que ele desempenhe sua função, gerando mais resultados positivos para a sua empresa.

2. Processos da descrição de cargos

Agora que você já sabe melhor o que é essa estratégia e qual a importância para o seu negócio, vamos para a parte prática de tudo o que envolve esse processo. 

2.1 Coleta de dados

Primeiro de tudo, para elaborar uma descrição de cargos eficaz, você precisa observar a sua empresa. Só assim você saberá qual o seu objetivo e o tipo de profissional que você vai buscar no mercado e que melhor se encaixe nessa função.

Anote a estrutura organizacional que já existe na sua empresa e quais os cargos que poderiam ser criados para otimizar os seus resultados, alinhados com suas novas estratégias.

Depois de mapear os cargos que já existem e de estruturá-los, com descrição de função e salários, você precisa identificar as responsabilidades de cada um dos seus funcionários para identificar possíveis acúmulos de funções em uma única pessoa.

Assim como todo bom líder, além de valorizar o funcionário que está te ajudando a conquistar seus objetivos, você vai conseguir reestruturar o seu negócio de forma mais eficaz.

2.2 Como elaborar uma descrição de cargos atraente

O modelo que você deve seguir para estruturar de forma correta a descrição dos cargos da sua empresa é este aqui:

  • Nome do cargo: seja o mais objetivo possível e sem usar abreviações;
  • Hierarquia: detalhar quem são os superiores e os subordinados;
  • Missão: definir em poucas palavras o objetivo e a abrangência do cargo;
  • Atividades: deixar por escrito, pode ser até em forma de lista, todas as competências que é desempenhada pelo profissional;
  • Experiência: qual a vivência que você espera que esse profissional tenha para desempenhar essa função na sua empresa, podendo ser medido em tempo de mercado ou no trabalho desempenhado;
  • Formação: é de extrema importância determinar o nível de escolaridade mínima exigida para que o funcionário possa assumir tal função;
  • Competências: faça uma lista das habilidades que o profissional deve ter para desempenhar com excelência a função dentro da sua empresa;
  • Treinamentos obrigatórios: alguns cargos precisam de preparação específica, por esse motivo, liste quais devem ser.

Quando o seu objetivo é colocar a descrição de cargo para oferecer uma vaga em aberto na sua empresa, além de informar, você precisa chamar a atenção dos possíveis candidatos. Por esse motivo, fique atento ao tipo de linguagem que você irá usar para atingir o público certo.

Por exemplo, se você estiver oferecendo uma vaga para profissional sênior, você pode optar por ser mais formal na descrição de cada item mencionado acima. Para estagiários ou trainees, você pode usar uma linguagem mais descontraída.

Mas lembre-se que é primordial deixar claro pelo menos o nome da função, missão, atividades, qualificações exigidas e responsabilidades do cargo.

2.3  Onde divulgar quando uma vaga estiver disponível?

A linguagem não é a única coisa com a qual você deve se preocupar na hora que for recrutar um novo funcionário. Você também deve escolher a melhor plataforma para divulgar tais informações.

De nada adianta você publicar nas redes sociais da sua própria empresa, ou em sites de vagas de empregos, se o seu candidato não estiver lá.

Por esse motivo, saiba onde está o seu público para que a sua divulgação seja certeira.

3. Dicas extras para ter uma descrição de cargos eficaz: o que você deve evitar?

Como todo bom líder, na hora de criar ou alterar uma descrição de cargos, você precisa explicar e alinhar para que todos no seu negócio possam entender claramente o que cada um desempenha, redefinir algumas exigências e quais as novas estratégias que serão adotadas.

Por último – e não menos importante -, você precisa revisar regularmente todos as descrições de cargos da sua empresa. Repensar o seu negócio para adequá-lo a uma nova realidade de mercado vai facilitar muito na hora de liderar sua equipe rumo ao sucesso.

Gostou das dicas? O Sebrae possui consultorias e curso de líder coach para que você, sua equipe e o seu negócio possam atingir outro patamar no mercado.

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.









Deixe seu Comentário