Internet e Redes Sociais

02 março, 2019 • Internet e Redes Sociais

Qual a diferença entre página e perfil de Facebook?

E mais: quais as vantagens das páginas e por onde começar!

Afinal, que história é essa de página ou perfil? O perfil é uma conta pessoal, para pessoas se relacionarem com pessoas, é o primeiro serviço oferecido pela rede social e o que mantém este tipo de mídia em movimento. Além de não oferecer as vantagens que as páginas oferecem para as marcas, o próprio Facebook pode desativá-lo caso haja denúncia de uso indevido.

Ao criar uma página, você se identifica como marca dentro do Facebook, o que é um processo de transparência com seus clientes e te permite a utilização de ferramentas voltadas para o crescimento dos negócios. Entenda as vantagens de utilizar estes recursos:

Benefícios da página

As páginas possibilitam que você entre em contato com os clientes, obtenha dados sobre seu desempenho, receba dados sobre o seu público, delegue funções administrativas para terceiros e veicule anúncios publicitários. Na prática, você terá em mãos:

1. Publicidade: que pode ocorrer de forma nativa ou paga, mas que permite uma abrangência muito maior do que o seu grupo de amigos. Disseminando informação sobre sua marca para mais pessoas e/ou localidades.

2. Informação: você tem dados reais sobre o que seus consumidores estão curtindo ou não. Quais produtos, propagandas, comportamentos são aprovados ou reprovados, além de saber mais sobre seu próprio público: sexo, faixa etária e afins.

3. Monetização: somente com as páginas é possível abrir lojas, vender serviços e utilizar outras ferramentas para ganhar dinheiro por meio do Facebook.

Vamos criar uma página?

Tutorial para quem não tem nada além do seu perfil pessoal e vai começar uma página do zero.

Passo 01:

Acesse: https://www.facebook.com/pages/creation/

Passo 02:

Escolha negócio ou marca e preencha os dados com cuidado e atenção, principalmente com nomes porque as edições depois serão limitadas.

Passo 03:

Coloque sua foto de perfil (priorize sua marca!) e sua capa, de preferência algo que ajude seus clientes a identificarem seu negócio com clareza.

Passo 04:

Siga os demais tutoriais e coloque conteúdo relevante para que o seu público se identifique.

Já tem um perfil?

Existe um tutorial do Facebook para quem já tem um perfil da marca e precisa transformar em página de negócios. Acesse: https://www.facebook.com/pages/create/migrate. Siga os passos com atenção e tudo vai dar certo!

As redes sociais podem te levar além

Claro que não basta fazer a página, você precisa aprender a usar a seu favor e otimizar seu uso em busca de resultados reais (sim, eles existem!). No Sebrae você encontra cursos e workshops, em sua maioria gratuitos, com especialistas em redes sociais. Saiba mais: http://atendimento2.ms.sebrae.com.br/ecommerce/index.php  ou  0800 570 0800.

E mais: quais as vantagens das páginas e por onde começar!

Afinal, que história é essa de página ou perfil? O perfil é uma conta pessoal, para pessoas se relacionarem com pessoas, é o primeiro serviço oferecido pela rede social e o que mantém este tipo de mídia em movimento. Além de não oferecer as vantagens que as páginas oferecem para as marcas, o próprio Facebook pode desativá-lo caso haja denúncia de uso indevido.

Ao criar uma página, você se identifica como marca dentro do Facebook, o que é um processo de transparência com seus clientes e te permite a utilização de ferramentas voltadas para o crescimento dos negócios. Entenda as vantagens de utilizar estes recursos:

Benefícios da página

As páginas possibilitam que você entre em contato com os clientes, obtenha dados sobre seu desempenho, receba dados sobre o seu público, delegue funções administrativas para terceiros e veicule anúncios publicitários. Na prática, você terá em mãos:

1. Publicidade: que pode ocorrer de forma nativa ou paga, mas que permite uma abrangência muito maior do que o seu grupo de amigos. Disseminando informação sobre sua marca para mais pessoas e/ou localidades.

2. Informação: você tem dados reais sobre o que seus consumidores estão curtindo ou não. Quais produtos, propagandas, comportamentos são aprovados ou reprovados, além de saber mais sobre seu próprio público: sexo, faixa etária e afins.

3. Monetização: somente com as páginas é possível abrir lojas, vender serviços e utilizar outras ferramentas para ganhar dinheiro por meio do Facebook.

Vamos criar uma página?

Tutorial para quem não tem nada além do seu perfil pessoal e vai começar uma página do zero.

Passo 01:

Acesse: https://www.facebook.com/pages/creation/

Passo 02:

Escolha negócio ou marca e preencha os dados com cuidado e atenção, principalmente com nomes porque as edições depois serão limitadas.

Passo 03:

Coloque sua foto de perfil (priorize sua marca!) e sua capa, de preferência algo que ajude seus clientes a identificarem seu negócio com clareza.

Passo 04:

Siga os demais tutoriais e coloque conteúdo relevante para que o seu público se identifique.

Já tem um perfil?

Existe um tutorial do Facebook para quem já tem um perfil da marca e precisa transformar em página de negócios. Acesse: https://www.facebook.com/pages/create/migrate. Siga os passos com atenção e tudo vai dar certo!

As redes sociais podem te levar além

Claro que não basta fazer a página, você precisa aprender a usar a seu favor e otimizar seu uso em busca de resultados reais (sim, eles existem!). No Sebrae você encontra cursos e workshops, em sua maioria gratuitos, com especialistas em redes sociais. Saiba mais: http://atendimento2.ms.sebrae.com.br/ecommerce/index.php  ou  0800 570 0800.


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.









Deixe seu Comentário