Mercado e Vendas

13 agosto, 2018 • Mercado e Vendas

Varejo 4.0: A reinvenção do varejo na era digital

Os avanços tecnológicos dos últimos anos e o cenário econômico mundial mudaram a forma de comunicar, vender e consumir. Essa nova fase do Comércio tem uma proporção gigantesca e o que assombra os empreendedores é o desconhecimento de novas técnicas e de como aplicá-las.

A nova era do Varejo, conhecida como Varejo 4.0, concilia as tendências da internet com o mundo real para aprimorar a experiência de compra e o relacionamento com o cliente. Agora, acompanhar o comportamento do público da sua empresa é a chave para reinventar suas estratégias de venda.

O Varejo 4.0

Esse novo modelo veio para mudar a proposta de valor do seu negócio e estabelecer um diferencial competitivo no mercado, utilizando as tecnologias para agilizar a coleta de informações do seu público. Compreendendo os hábitos dos clientes, você consegue identificar qual o meio que eles usam para fazer compras.

Atualmente, os consumidores não buscam apenas por um produto de qualidade; eles querem aprender, ver, tocar, sentir, experimentar, escolher, se divertir, comparar, ser reconhecido, levar o produto, avaliar, criticar, curtir, elogiar e recomendar. A tecnologia e o mundo real se misturam para criar vínculos emocionais e sociais com os clientes. O meio digital é usado como canal de auxílio na compra, e a loja física aprimora essa experiência.

Desafios

Para o consultor em tecnologia, processos e transformação, Fábio Hideke, é preciso aceitar que essa nova era chegou no mundo dos negócios para ficar. “O maior desafio não é nem entender a tecnologia ou ter acesso a ela, pois isso será cada dia mais fácil e barato. Mas, sim, sair da negação e do medo do desconhecido para ser um explorador de um mundo em transformação”, afirma.

O percentual de vendas pela internet está aumentando cada vez mais em relação às vendas em lojas físicas porque as pessoas dificilmente saem da sua rotina para ir atrás de um produto específico. Para aplicar o Varejo 4.0 é preciso lembrar das duas tendências desse novo modelo de negócio: a tecnológica e a comportamental.

A tecnológica pensa em promover experiência de uso dos produtos, melhorar a interação com os clientes e possíveis estratégias de oferta de produtos certos, para a pessoa certa, no momento certo. Já a comportamental, foca no compartilhamento. Cada vez mais, os consumidores estão preocupados com as questões sociais e ambientais. Ou seja, as pessoas querem ter acesso à informação, e não a posse de um produto qualquer, sem valor.

Como aplicar Varejo 4.0 no meu empreendimento?

Para conseguir informações pessoais do seu consumidor, com o consentimento deles, você deve ser transparente e estabelecer políticas de relacionamento para coletar e analisar de forma contínua o estilo de vida deles. Veja alguns exemplos que podem ser aplicados no seu empreendimento para tornar mais fácil essa coleta de dados:

  • Wifi: ofereça de graça, mas peça um cadastro em troca. Por meio desse cadastro você pode estruturar um programa de fidelidade, envio de ofertas e promoções, por exemplo.
  • Beacons: esses aparelhos de proximidade emitem informações por bluetooth nos smartphones cadastrados. Com esse recurso você pode identificar um cliente registrando suas ações no estabelecimento, qual o tempo gasto dentro da loja e o que comprou.
  • Câmeras com sensores de calor: mais utilizadas em shoppings, lojas, mercados e aeroportos, consegue mapear o caminho que o consumidor fez ao entrar na loja e qual o local onde permaneceu por mais tempo.
  • Aplicativo com geolocalização: entrar em um estabelecimento e receber notificações com informações de produtos e as ofertas do dia. Esse exemplo é muito usado nos aeroportos para informar aos usuários as áreas de embarque, cafés e os balcões das companhias aéreas.

Lembre-se que também é importante ter um estabelecimento com design diferente e agradável, além de promover a sua marca transmitindo os valores da empresa por meio de informações e histórias nas redes sociais.

Se interessou e quer saber mais sobre o Varejo 4.0? Na Feira do Empreendedor MS 2018 você vai poder ver de perto muitas novidades. O pré-credenciamento pode ser feito pelo site www.feirams.com.br, onde também está disponível a programação completa. Este processo antecipado agiliza a entrada de cada participante no evento, mas não garante vaga nas atividades da agenda, o que se dará por ordem de chegada, de acordo com a limitação de lugares nos espaços.

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.









Deixe seu Comentário