Empreendedorismo

11 julho, 2015 • Empreendedorismo

Será que a minha ideia vale a pena?

 

idéias para abrir um negócio

 

Para uma ideia ter um bom potencial de negócio é muito simples, você precisa saber se existem pessoas dispostas a pagar pelo seu produto/serviço em quantidade suficiente para você ter lucro. Porém, para não ser simplista, vou descrever um pouco melhor as etapas necessárias para avaliar se uma ideia é realmente uma oportunidade ou um dos planos “infalíveis” do Cebolinha.

Em livros de administração, provavelmente você encontrará algo sobre a análise dos 3 Ms:

  1. Demanda de mercado (Market Demand): Avaliar se o produto/serviço proposto é algo que realmente as pessoas queiram.
  2. Tamanho e estrutura do mercado (Market size&structure;): Conferir se existe um bom número de clientes em potencial e se na hora de entrar no mercado a briga será com empresas menores ou com monstros que já dominam o mercado e te atropelarão facilmente.
  3. Análise de margem (Margin analysis): Nessa etapa o importante é saber se seu produto pode ser produzido com um custo baixo o suficiente pra você ter lucro com as vendas.

Pra variar, nós concordamos com esse conceito, mas achamos que na prática ele não responde tão bem a pergunta “Será que a minha idéia vale a pena?”.

Para resolver esse problema, apresentamos a versão Empreendemia dos 3 passos para avaliar uma idéia de negócios. Chamamos essa de metodologia OPS.

  1. Observe: Imagine oportunidades de negócios como ondas de rádio. Elas estão aí, mas é necessária uma ação (ligar o rádio) para ouvir a música. No caso do empreendedor, ele precisa sempre conversar com as pessoas e ler notícias para ver o que as pessoas querem. Criar algo revolucionário mas que ninguém queira comprar é simplesmente inútil.
  2. Pesquise: Para confirmar se realmente existe a demanda pelo seu produto/serviço só existe uma saída, pergunte para seus possíveis clientes! Pedir dicas e sugestões da sua avó não vale, converse com pessoas que não tem a obrigação de gostar de você e veja se eles estão dispostos a te pagar pelo que você está oferencendo.
  3. Saia do lugar: O risco sempre existiu e sempre existirá na hora de abrir uma empresa, aceite isso ou desista de ser empreendedor. Como diria o Padre Quevedo, uma idéia perfeita é algo que “non ecsiste”. Não espere um toque de genialidade, se você tem alguma coisa já é melhor do que nada. Saia do lugar!

Agora fica a pergunta: “E você, o que tem feito para tirar suas idéias do papel?”

Abraços,
Millor Machado (observando, pesquisando e saindo do lugar)

Fonte: Saia do Lugar

 

 

idéias para abrir um negócio

 

Para uma ideia ter um bom potencial de negócio é muito simples, você precisa saber se existem pessoas dispostas a pagar pelo seu produto/serviço em quantidade suficiente para você ter lucro. Porém, para não ser simplista, vou descrever um pouco melhor as etapas necessárias para avaliar se uma ideia é realmente uma oportunidade ou um dos planos “infalíveis” do Cebolinha.

Em livros de administração, provavelmente você encontrará algo sobre a análise dos 3 Ms:

  1. Demanda de mercado (Market Demand): Avaliar se o produto/serviço proposto é algo que realmente as pessoas queiram.
  2. Tamanho e estrutura do mercado (Market size&structure;): Conferir se existe um bom número de clientes em potencial e se na hora de entrar no mercado a briga será com empresas menores ou com monstros que já dominam o mercado e te atropelarão facilmente.
  3. Análise de margem (Margin analysis): Nessa etapa o importante é saber se seu produto pode ser produzido com um custo baixo o suficiente pra você ter lucro com as vendas.

Pra variar, nós concordamos com esse conceito, mas achamos que na prática ele não responde tão bem a pergunta “Será que a minha idéia vale a pena?”.

Para resolver esse problema, apresentamos a versão Empreendemia dos 3 passos para avaliar uma idéia de negócios. Chamamos essa de metodologia OPS.

  1. Observe: Imagine oportunidades de negócios como ondas de rádio. Elas estão aí, mas é necessária uma ação (ligar o rádio) para ouvir a música. No caso do empreendedor, ele precisa sempre conversar com as pessoas e ler notícias para ver o que as pessoas querem. Criar algo revolucionário mas que ninguém queira comprar é simplesmente inútil.
  2. Pesquise: Para confirmar se realmente existe a demanda pelo seu produto/serviço só existe uma saída, pergunte para seus possíveis clientes! Pedir dicas e sugestões da sua avó não vale, converse com pessoas que não tem a obrigação de gostar de você e veja se eles estão dispostos a te pagar pelo que você está oferencendo.
  3. Saia do lugar: O risco sempre existiu e sempre existirá na hora de abrir uma empresa, aceite isso ou desista de ser empreendedor. Como diria o Padre Quevedo, uma idéia perfeita é algo que “non ecsiste”. Não espere um toque de genialidade, se você tem alguma coisa já é melhor do que nada. Saia do lugar!

Agora fica a pergunta: “E você, o que tem feito para tirar suas idéias do papel?”

Abraços,
Millor Machado (observando, pesquisando e saindo do lugar)

Fonte: Saia do Lugar

 


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.






Deixe um comentário


ankara escort çankaya escort ankara escort çankaya escort escort ankara çankaya escort escort bayan çankaya istanbul rus escort eryaman escort escort bayan ankara ankara escort kızılay escort istanbul escort ankara escort ankara rus escort escort çankaya ankara escort bayan istanbul rus Escort atasehir Escort beylikduzu Escort Ankara Escort malatya Escort kuşadası Escort gaziantep Escort izmir Escort