Casos de Sucesso

Chapadão do Sul: polo de desenvolvimento e inovação empreendedora

Projeto do município para estimular pequenos negócios ganha prêmio nacional

Mato Grosso do Sul registrou, em 2018, a abertura de 6.360 novas empresas, o maior volume nos últimos quatro anos, de acordo com os dados da Junta Comercial de Mato Grosso do Sul (Jucems) e esse aumento se deu, principalmente por conta das iniciativas das prefeituras dos municípios no interior do estado.

Chapadão do Sul ocupa o primeiro lugar no ranking de cidades empreendedoras de Mato Grosso do Sul. A cidade ganhou destaque e visibilidade com o projeto “Chapadão do Sul Polo de Desenvolvimento e Inovação”, que foi finalista e ganhador do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor em nível nacional, na categoria Políticas Públicas para Desenvolvimento Pequenos Negócios.

O objetivo do projeto é justamente desburocratizar e incentivar a abertura de novos empreendimentos, melhorando processos, leis e até mesmo mecanismos para que a população que quer abrir o próprio negócio não encontre dificuldades no caminho.

Para agilizar os processos, foi implantada a central integrada de Desenvolvimento Sustentável, integrando os setores da Receita Federal, Junta Comercial, Sala do Empreendedor, Meio Ambiente, Central do Trabalhador, Agricultura Familiar e Ouvidoria. Além disso, foi inaugurado o posto da Receita Federal no município e a implantação do Centro Técnico Profissionalizante específico para a área de empreendedorismo.

Na Sala do Empreendedor, já foram atendidas 4.350 micro e pequenas empresas, com 319 novos microempreendedores individuais formalizados e 484 novas empresas, desde MEI, ME e EPP instaladas no município nos últimos meses.

Outras facilidades do projeto que também beneficiam os empreendedores a terem seu negócio formalizado são os programas voltados para liberação imediata de alvarás, além de consultorias e capacitações voltadas para servidores públicos e empreendedores e descontos de até 40% no IPTU para MEI.

“Temos que fazer com que o dinheiro circule no município. Essa desburocratização faz com que o alvará saia no primeiro dia, assim como o abites para as empresas de baixo risco. Eles iniciam legalizados, como tem que ser, e aumentam a arrecadaão”, pontua o prefeito João Carlos Krug.

Todas as secretarias municipais estão envolvidas no projeto, que traz atividades voltadas ao estímulo do empreendedorismo local, como: sala do empreendedor atuante, incentivos fiscais, inovação tecnológica e educação empreendedora, incentivo à formalização de novos empreendimentos, unicidade e simplificação do processo de registro e de legalização de empresários e de pessoas jurídicas, simplificação, racionalização e uniformização dos requisitos de segurança sanitária, capacitações para o empreendedorismo, agricultura familiar e a preferência pelo comércio local nas aquisições de bens e serviços pelos órgãos públicos municipais.

O que faltava

De acordo com o empreendedor Marcelo Balen, as facilidades e orientação para abertura de empresa foi o que a Box Burger precisava para ser concretizada. “Me tornei MEI graças às facilidades do projeto e em três meses minha empresa conseguiu evoluir rapidamente, tanto que precisei mudar para ME para contratar mais funcionários e conseguir dar conta da demanda da hamburgueria”, conta Marcelo.

Segundo a assessoria de imprensa do município, até o final de 2020, será criada uma incubadora de empresas, além de um novo programa de desburocratização de processos em parceria com o Sebrae/MS e a Junta Comercial, com foco específico na abertura de alvarás em um minuto. Chapadão do Sul faz parte hoje do programa Cidade Empreendedora, elaborado pelo Sebrae para estimular o desenvolvimento local.

Projeto do município para estimular pequenos negócios ganha prêmio nacional

Mato Grosso do Sul registrou, em 2018, a abertura de 6.360 novas empresas, o maior volume nos últimos quatro anos, de acordo com os dados da Junta Comercial de Mato Grosso do Sul (Jucems) e esse aumento se deu, principalmente por conta das iniciativas das prefeituras dos municípios no interior do estado.

Chapadão do Sul ocupa o primeiro lugar no ranking de cidades empreendedoras de Mato Grosso do Sul. A cidade ganhou destaque e visibilidade com o projeto “Chapadão do Sul Polo de Desenvolvimento e Inovação”, que foi finalista e ganhador do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor em nível nacional, na categoria Políticas Públicas para Desenvolvimento Pequenos Negócios.

O objetivo do projeto é justamente desburocratizar e incentivar a abertura de novos empreendimentos, melhorando processos, leis e até mesmo mecanismos para que a população que quer abrir o próprio negócio não encontre dificuldades no caminho.

Para agilizar os processos, foi implantada a central integrada de Desenvolvimento Sustentável, integrando os setores da Receita Federal, Junta Comercial, Sala do Empreendedor, Meio Ambiente, Central do Trabalhador, Agricultura Familiar e Ouvidoria. Além disso, foi inaugurado o posto da Receita Federal no município e a implantação do Centro Técnico Profissionalizante específico para a área de empreendedorismo.

Na Sala do Empreendedor, já foram atendidas 4.350 micro e pequenas empresas, com 319 novos microempreendedores individuais formalizados e 484 novas empresas, desde MEI, ME e EPP instaladas no município nos últimos meses.

Outras facilidades do projeto que também beneficiam os empreendedores a terem seu negócio formalizado são os programas voltados para liberação imediata de alvarás, além de consultorias e capacitações voltadas para servidores públicos e empreendedores e descontos de até 40% no IPTU para MEI.

“Temos que fazer com que o dinheiro circule no município. Essa desburocratização faz com que o alvará saia no primeiro dia, assim como o abites para as empresas de baixo risco. Eles iniciam legalizados, como tem que ser, e aumentam a arrecadaão”, pontua o prefeito João Carlos Krug.

Todas as secretarias municipais estão envolvidas no projeto, que traz atividades voltadas ao estímulo do empreendedorismo local, como: sala do empreendedor atuante, incentivos fiscais, inovação tecnológica e educação empreendedora, incentivo à formalização de novos empreendimentos, unicidade e simplificação do processo de registro e de legalização de empresários e de pessoas jurídicas, simplificação, racionalização e uniformização dos requisitos de segurança sanitária, capacitações para o empreendedorismo, agricultura familiar e a preferência pelo comércio local nas aquisições de bens e serviços pelos órgãos públicos municipais.

O que faltava

De acordo com o empreendedor Marcelo Balen, as facilidades e orientação para abertura de empresa foi o que a Box Burger precisava para ser concretizada. “Me tornei MEI graças às facilidades do projeto e em três meses minha empresa conseguiu evoluir rapidamente, tanto que precisei mudar para ME para contratar mais funcionários e conseguir dar conta da demanda da hamburgueria”, conta Marcelo.

Segundo a assessoria de imprensa do município, até o final de 2020, será criada uma incubadora de empresas, além de um novo programa de desburocratização de processos em parceria com o Sebrae/MS e a Junta Comercial, com foco específico na abertura de alvarás em um minuto. Chapadão do Sul faz parte hoje do programa Cidade Empreendedora, elaborado pelo Sebrae para estimular o desenvolvimento local.


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.






Deixe um comentário


ankara escort çankaya escort ankara escort çankaya escort escort ankara çankaya escort escort bayan çankaya istanbul rus escort eryaman escort escort bayan ankara ankara escort kızılay escort istanbul escort ankara escort ankara rus escort escort çankaya ankara escort bayan istanbul rus Escort atasehir Escort beylikduzu Escort Ankara Escort malatya Escort kuşadası Escort gaziantep Escort izmir Escort