Planejamento Estratégico

05 maio, 2021 • Planejamento Estratégico

Análise de mercado: abertura de empresas com menor risco

Análise de Mercado – Empreender, sobretudo nos primeiros meses, não é uma tarefa fácil. Isso porque existem muitos riscos ao iniciar um negócio novo. Neste momento, tudo pode acontecer; desde uma crise interna até problemas na economia podem afetar seu negócio de uma forma significativa. Por isso, o futuro empreendedor deve estar preparado para enfrentar os riscos que podem surgir. Entender quais são as possibilidades e desafios a serem superados ajuda a minimizar estes riscos e fazer um bom trabalho no início do negócio. Confira as dicas do Sebrae sobre o assunto.

Quais são os principais riscos que uma empresa corre?

Para abrir uma empresa com o menor risco possível, é importante saber quais as possibilidades da sua área e quais erros devem ser evitados. Ter o conhecimento destes riscos é, portanto, essencial para alcançar o crescimento. A seguir, trouxemos os principais problemas que podem acometer um negócio em seu início:

  • Sazonalidade: Ela pode ocorrer quando um serviço ou produto tem uma alta procura em determinada época. Por consequência, acaba acontecendo uma retração no resto do ano, o que pode gerar um prejuízo caso a empresa não esteja preparada para isso. Negócios com maior sazonalidade tendem a correr mais riscos; por isso, os empreendedores precisam fazer um ótimo planejamento e, assim, realizar manobras e estratégias que favoreçam o negócio nas épocas de retração.
  • Efeitos da economia: É preciso estar atento às mudanças na economia, já que elas podem afetar direta ou indiretamente o seu negócio. Crises econômicas podem desestabilizar determinados setores enquanto outros podem sair ilesos. É importante identificar essas crises e sua relação com seu segmento, para evitar riscos futuros.
  • Controles governamentais: Manter uma empresa em funcionamento envolve alguns processos burocráticos que podem variar de acordo com questões governamentais. Mudanças de governo, monopólios ou legislação, por exemplo, podem afetar sua empresa de forma negativa ou positiva. Por isso, fique por dentro dessas mudanças e evite problemas por falta de planejamento.
  • Estagnação ou retração: Existem segmentos com maior estagnação ou retração. Dessa forma, a procura pelo serviço ou produto do ramo pode ser menor do que o normal. Por este motivo, a concorrência é mais acirrada, gerando alguns riscos para o seu negócio.

Como começar um negócio com menor risco?

Para diminuir os riscos que a abertura de um negócio possa ter, é importante pensar sobre alguns aspectos-chave. Avalie seu cenário e todas as possibilidades antes de começar a botar seus planos em prática. Para te ajudar nessa organização, separamos algumas das principais formas de minimizar os riscos durante o processo de abertura da sua empresa. Confira:

1 – Entenda se você possui perfil empreendedor

Antes de tudo, o autoconhecimento é importante para que você entenda se possui o perfil empreendedor. É preciso entender se estar à frente de um negócio totalmente novo é algo que se encaixa com sua rotina e seus objetivos profissionais. Empreender não é fácil e exige dedicação, estudo e muita vontade de fazer o seu negócio acontecer. Por isso, fique atento às características de um perfil empreendedor para saber se, de fato, ele tem a ver com você.

2 – Faça uma vasta análise de mercado

Após decidir iniciar um empreendimento, o primeiro passo a ser dado é o estudo. É essencial entender o mercado e como ele funciona no nicho em que deseja se inserir. Para isso, faça uma análise completa, reunindo o máximo de informações sobre o tema do seu negócio, seu mercado e o perfil do público. Tudo isso vai ajudá-lo a conhecer sua área de atuação e quais os maiores riscos e oportunidades dela. Pesquise também sua concorrência e a forma como estas empresas atuam. Muitos problemas podem ser evitados no começo do seu negócio, com muito conhecimento do meio e pesquisas constantes sobre o segmento.

Veja também: Como escolher um ponto comercial estratégico para meu negócio?

3 -Não deixe o planejamento de lado

Com todos os dados sobre seu nicho coletados, é hora de iniciar o seu planejamento. Parte essencial do processo, planejar te ajuda a avaliar todas as possibilidades do trabalho e a prever os seus próximos passos. Crie um plano de negócio detalhado, com todas as etapas do trabalho bem descritas. Liste todos os itens necessários para botar seu negócio em prática e as principais estratégias que serão utilizadas. Isso será muito útil para diminuir riscos e evitar decisões erradas.

4 -Tome boas decisões na montagem da equipe

Ter uma equipe bem estruturada é fundamental para que o seu empreendimento cresça. Portanto, avalie todas as pessoas que serão incluídas no seu time de trabalho, inclusive sócios. Tenha em mente que a qualificação e o conhecimento na área são itens fundamentais. É importante também fazer uma boa gestão, e deixar os membros da equipe motivados e focados no trabalho. Saiba delegar as tarefas e dividir responsabilidades. A escolha de uma equipe colaborativa e determinada faz toda a diferença para diminuir os riscos no seu negócio.

5 – Contabilize seus primeiros gastos

É sempre importante ter conhecimento da parte financeira da sua empresa. Sobretudo, nos primeiros meses, é essencial fazer a contabilidade dos gastos iniciais. Entenda quais são investimentos necessários para dar o start no negócio, quais as despesas fixas e como será a projeção dos próximos meses. Essa organização torna o seu negócio rentável e minimiza os riscos relacionados ao financeiro. É imprescindível documentar todos estes custos e fazer análises constantes, com métricas bem definidas. A partir disso é possível criar metas e diminuir custos, por exemplo, para que seu negócio não corra grandes riscos. Caso seja possível, tenha uma reserva de capital para eventuais imprevistos no percurso. Isso manterá o negócio estável enquanto a empresa realiza um possível gerenciamento de crise.

Evite ao máximo os riscos que podem surgir na abertura da sua empresa. Siga as nossas dicas e faça um bom estudo do mercado no qual deseja iniciar seu negócio! Para complementar sua pesquisa, acesse nosso conteúdo exclusivo.

Análise de Mercado – Empreender, sobretudo nos primeiros meses, não é uma tarefa fácil. Isso porque existem muitos riscos ao iniciar um negócio novo. Neste momento, tudo pode acontecer; desde uma crise interna até problemas na economia podem afetar seu negócio de uma forma significativa. Por isso, o futuro empreendedor deve estar preparado para enfrentar os riscos que podem surgir. Entender quais são as possibilidades e desafios a serem superados ajuda a minimizar estes riscos e fazer um bom trabalho no início do negócio. Confira as dicas do Sebrae sobre o assunto.

Quais são os principais riscos que uma empresa corre?

Para abrir uma empresa com o menor risco possível, é importante saber quais as possibilidades da sua área e quais erros devem ser evitados. Ter o conhecimento destes riscos é, portanto, essencial para alcançar o crescimento. A seguir, trouxemos os principais problemas que podem acometer um negócio em seu início:

  • Sazonalidade: Ela pode ocorrer quando um serviço ou produto tem uma alta procura em determinada época. Por consequência, acaba acontecendo uma retração no resto do ano, o que pode gerar um prejuízo caso a empresa não esteja preparada para isso. Negócios com maior sazonalidade tendem a correr mais riscos; por isso, os empreendedores precisam fazer um ótimo planejamento e, assim, realizar manobras e estratégias que favoreçam o negócio nas épocas de retração.
  • Efeitos da economia: É preciso estar atento às mudanças na economia, já que elas podem afetar direta ou indiretamente o seu negócio. Crises econômicas podem desestabilizar determinados setores enquanto outros podem sair ilesos. É importante identificar essas crises e sua relação com seu segmento, para evitar riscos futuros.
  • Controles governamentais: Manter uma empresa em funcionamento envolve alguns processos burocráticos que podem variar de acordo com questões governamentais. Mudanças de governo, monopólios ou legislação, por exemplo, podem afetar sua empresa de forma negativa ou positiva. Por isso, fique por dentro dessas mudanças e evite problemas por falta de planejamento.
  • Estagnação ou retração: Existem segmentos com maior estagnação ou retração. Dessa forma, a procura pelo serviço ou produto do ramo pode ser menor do que o normal. Por este motivo, a concorrência é mais acirrada, gerando alguns riscos para o seu negócio.

Como começar um negócio com menor risco?

Para diminuir os riscos que a abertura de um negócio possa ter, é importante pensar sobre alguns aspectos-chave. Avalie seu cenário e todas as possibilidades antes de começar a botar seus planos em prática. Para te ajudar nessa organização, separamos algumas das principais formas de minimizar os riscos durante o processo de abertura da sua empresa. Confira:

1 – Entenda se você possui perfil empreendedor

Antes de tudo, o autoconhecimento é importante para que você entenda se possui o perfil empreendedor. É preciso entender se estar à frente de um negócio totalmente novo é algo que se encaixa com sua rotina e seus objetivos profissionais. Empreender não é fácil e exige dedicação, estudo e muita vontade de fazer o seu negócio acontecer. Por isso, fique atento às características de um perfil empreendedor para saber se, de fato, ele tem a ver com você.

2 – Faça uma vasta análise de mercado

Após decidir iniciar um empreendimento, o primeiro passo a ser dado é o estudo. É essencial entender o mercado e como ele funciona no nicho em que deseja se inserir. Para isso, faça uma análise completa, reunindo o máximo de informações sobre o tema do seu negócio, seu mercado e o perfil do público. Tudo isso vai ajudá-lo a conhecer sua área de atuação e quais os maiores riscos e oportunidades dela. Pesquise também sua concorrência e a forma como estas empresas atuam. Muitos problemas podem ser evitados no começo do seu negócio, com muito conhecimento do meio e pesquisas constantes sobre o segmento.

Veja também: Como escolher um ponto comercial estratégico para meu negócio?

3 -Não deixe o planejamento de lado

Com todos os dados sobre seu nicho coletados, é hora de iniciar o seu planejamento. Parte essencial do processo, planejar te ajuda a avaliar todas as possibilidades do trabalho e a prever os seus próximos passos. Crie um plano de negócio detalhado, com todas as etapas do trabalho bem descritas. Liste todos os itens necessários para botar seu negócio em prática e as principais estratégias que serão utilizadas. Isso será muito útil para diminuir riscos e evitar decisões erradas.

4 -Tome boas decisões na montagem da equipe

Ter uma equipe bem estruturada é fundamental para que o seu empreendimento cresça. Portanto, avalie todas as pessoas que serão incluídas no seu time de trabalho, inclusive sócios. Tenha em mente que a qualificação e o conhecimento na área são itens fundamentais. É importante também fazer uma boa gestão, e deixar os membros da equipe motivados e focados no trabalho. Saiba delegar as tarefas e dividir responsabilidades. A escolha de uma equipe colaborativa e determinada faz toda a diferença para diminuir os riscos no seu negócio.

5 – Contabilize seus primeiros gastos

É sempre importante ter conhecimento da parte financeira da sua empresa. Sobretudo, nos primeiros meses, é essencial fazer a contabilidade dos gastos iniciais. Entenda quais são investimentos necessários para dar o start no negócio, quais as despesas fixas e como será a projeção dos próximos meses. Essa organização torna o seu negócio rentável e minimiza os riscos relacionados ao financeiro. É imprescindível documentar todos estes custos e fazer análises constantes, com métricas bem definidas. A partir disso é possível criar metas e diminuir custos, por exemplo, para que seu negócio não corra grandes riscos. Caso seja possível, tenha uma reserva de capital para eventuais imprevistos no percurso. Isso manterá o negócio estável enquanto a empresa realiza um possível gerenciamento de crise.

Evite ao máximo os riscos que podem surgir na abertura da sua empresa. Siga as nossas dicas e faça um bom estudo do mercado no qual deseja iniciar seu negócio! Para complementar sua pesquisa, acesse nosso conteúdo exclusivo.


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.






Deixe um comentário