Inovação

27 agosto, 2018 • Inovação, Sebrae Cursos

Sua empresa está preparada para o novo mundo?

Não é de hoje que se fala – e se ouve falar – que o mundo está mudando. Tecnologia, internet, revolução digital e tudo que elas impactam e proporcionam têm redimensionado o modo que as pessoas se relacionam entre si e com as coisas que as cercam.

Tantas mudanças fizeram surgir uma nova geração com novos valores e, consequentemente, um novo perfil de consumidor. Para atendê-los, os negócios precisam mudar para garantir não só a sobrevivências, mas a existência. A sua empresa está preparada para o novo mundo?

Quem provoca a reflexão com a pergunta, mas também ajuda a encontrar caminhos para respondê-la é o empresário Facundo Guerra. Engenheiro de alimentos, jornalista, Mestre e Doutor em Ciência Política, Facundo é CEO do Grupo Vegas, com mais de 10 negócios de sucesso voltados ao entretenimento, entre bares, espaços públicos e casas de show e foi eleito um dos 100 empreendedores mais influentes do mundo pela revista norte-americana Good Magazine.

inovaçãoPara Facundo, o ponto principal para ter condições de sobreviver nesse novo mundo é entender o novo consumidor e entender também que consumir é um ato político. “Ninguém mais será consumidor; estará consumidor em determinado ponto da cadeia produtiva. A relação entre humanos e coisas será modulada de tal modo que consumiremos produtos que ajudamos a construir”, explica.

Em um passado nem tão distante, o consumidor, formado pela publicidade, pela insegurança e pela necessidade de pertencer a algo ou a algum grupo, era passivo. O novo consumidor não quer mais vender sua vida, criatividade e força de trabalho para uma corporação com o intuito de ter coisas; agora ele também é produtor de símbolos e busca experiências que transcendam o produto, não consome o produto, mas uma visão de mundo que se alinha com sua ética e com sua estética de existência.

Se as marcas que consumimos dizem quem somos, o que a sua marca diz para o mundo? Facundo elaborou três dicas para você, empreendedor, saber se sua empresa está preparada de fato para o novo mundo:

– Resolva um problema real: quando sua empresa se propõe a resolver um problema real que está presente na vida das pessoas e entrega uma solução para ele, ela ganha um novo sentido na vida das pessoas. Inovação não surge do nada, surge da observação, de sensibilidade. Inovação também nem sempre tem que estar ligado a tecnologia. Soluções simples podem ser muito mais inovadoras e causar muito mais impacto na vida das pessoas do que aparatos tecnológicos.

– Coloque sua visão de mundo no seu negócio: antes de ser empreendedor, o empreendedor é ser humano e é praticamente impossível ser um bom empreendedor no novo mundo se você não for um bom ser humano. Coloque sua visão de mundo no seu negócio. O seu produto ou seu serviço, a maneira como você trata seus funcionários, o destino correto para o lixo, as causas sociais que abraça: isso tudo é expressão daquilo que você, ser humano, acredita e o mundo está preparado para isso.

– Preço e valor são coisas diferentes: antes de querer ser melhor que a concorrência por ter um preço mais baixo, tente apenas ser melhor que a concorrência em todo o resto e esqueça o preço. No novo mundo, o consumidor está disposto a pagar mais para aquelas empresas que possuem um propósito.

Inspire-se nas ideias e pensamentos de Facundo Guerra e lembre-se: o Sebrae MS possui consultores e especialistas que podem te ajudar a chegar onde você quiser.

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.









Deixe seu Comentário