Destaque

10 novembro, 2017 • Destaque, Mercado e Vendas

Naviraí só que cresce

Localizada na região sudoeste do estado, Naviraí é uma das cidades mais novas – e promissoras – de Mato Grosso do Sul. Completando 54 anos de emancipação política no dia 11 de novembro, o município tem se destacado pelo fortalecimento da economia e geração de emprego.

A terra fértil e a localização estratégica – com fácil acesso tanto para o Sul do Brasil e Países do Mercosul como região Sudeste e Triângulo Mineiro – definiram sua vocação: produção agrícola. Nesse cenário, a história de Naviraí se confunde com a história da Copasul, Cooperativa Agrícola Sul-Mato-Grossense, fundada no final da década de 1970 por cerca de 30 produtores de algodão da região.

Ao longo de quase 40 anos, a Copasul tem garantido estrutura, assistência técnica, fornecimento de insumos, comercialização, unidade industrial de fecularia e fiação, além de irrigação, para mais de 800 cooperados da região, que inclui Maracaju, Dourados, Deodápolis, entre outras cidades.

Se a agricultura vai muito bem, obrigada, os outros setores da economia também desenvolvem, principalmente o comércio.

Em 1995, Antônio Alves de Lima visitou um amigo em Naviraí. A cidade, que na época tinha cerca de 32 mil habitantes, chamou a atenção do empresário que, depois de trabalhar na lavoura, já tinha uma mercearia na cidade paranaense de Floraí e um supermercado em Douradina, também interior do Paraná.

Com os irmãos, Antônio fundou em Naviraí as Lojas Floraí, varejo de um mix de produto que vai de vestuário, calçados, cama, mesa e banho até materiais de construção. Nesses 22 anos, a família Alves de Lima não só gerou emprego e renda para o crescimento da cidade, como também cresceu junto com ela. Novas unidades das Lojas Floraí foram abertas em Sirdrolâdia, Caarapó, Itaquiraí, entre outras cidades, e Antônio escolheu também um novo ramo para atuar: a hotelaria. Há dois anos, inaugurou o Gold Hotel na saída para o parque de exposições da cidade e que atua com 80% de ocupação.

“A cidade e o Estado me acolheram de uma forma que não tem nem como querer sair daqui. Construí um patrimônio e hoje quem cuida são meus filhos, Rudnei e Regiane. Por acreditar no potencial da cidade, abri o hotel e já tenho planos de ampliar”, conta Antônio.

Com população estimada em pouco mais de 53 mil habitante, a cidade possui, atualmente, quase três mil empresas ativas e ficou em quarto lugar na geração de empregos do Estado no início deste semestre.

Uma das empresas responsáveis por fortalecer a economia e a geração de emprego é a Perpétua Café e Brechó. Mais do que isso, a Perpétua é uma das responsáveis por renovar e diversificar o mercado da cidade: o estabelecimento é um café onde funciona também um brechó e o espaço é usado para apresentações culturais e artísticas.

Depois de morar 20 anos em Campo Grande, Isa Monteiro mudou-se para Naviraí há dois anos e meio. Com a veia empreendedora pulsante, a contadora queria abrir um negócio na cidade, mas não sabia exatamente o quê. Analisou o mercado por um tempo e quando teve a ideia de abrir um café com brechó, em 2016, contratou a consultoria do Sebrae MS para fazer um estudo de mercado e orientar sobre marketing.

“A primeira coisa que eu observei é que na cidade não existia um modelo de negócio que agregasse as duas opções e a cidade recebeu muito bem, abraçou a Perpétua. A cultura do brechó ainda está em amadurecimento, as pessoas estão se acostumando com a ideia. A Perpétua veio para ser causa e consequência dessa nova forma de pensar e consumir”, relata.

A estrutura da loja também chama atenção: é um container que demorou seis meses para ficar pronto. Em fevereiro deste ano a Perpétua abriu suas portas em Naviraí, com uma equipe de 12 pessoas, que se revezam em 12 horas de turno de domingo a domingo. Por conta da operação complexa, Isa fez questão de ter uma consultoria do Sebrae MS também na área de recursos humanos.

“A parceria com o Sebrae deu tão certo que o nosso atendimento é um dos nossos diferenciais, é muito ágil, todos elogiam. Aproveitei também os conhecimentos e experiências do Empretec para ter maior segurança na hora de tocar o negócio”, conta.

Na Perpétua Café e Brechó, um outro item faz o maior sucesso: a cheescake que é o esposo da Isa mesmo que faz. Mais um excelente motivo para conhecer o lugar quando visitar Naviraí, não?

Localizada na região sudoeste do estado, Naviraí é uma das cidades mais novas – e promissoras – de Mato Grosso do Sul. Completando 54 anos de emancipação política no dia 11 de novembro, o município tem se destacado pelo fortalecimento da economia e geração de emprego.

A terra fértil e a localização estratégica – com fácil acesso tanto para o Sul do Brasil e Países do Mercosul como região Sudeste e Triângulo Mineiro – definiram sua vocação: produção agrícola. Nesse cenário, a história de Naviraí se confunde com a história da Copasul, Cooperativa Agrícola Sul-Mato-Grossense, fundada no final da década de 1970 por cerca de 30 produtores de algodão da região.

Ao longo de quase 40 anos, a Copasul tem garantido estrutura, assistência técnica, fornecimento de insumos, comercialização, unidade industrial de fecularia e fiação, além de irrigação, para mais de 800 cooperados da região, que inclui Maracaju, Dourados, Deodápolis, entre outras cidades.

Se a agricultura vai muito bem, obrigada, os outros setores da economia também desenvolvem, principalmente o comércio.

Em 1995, Antônio Alves de Lima visitou um amigo em Naviraí. A cidade, que na época tinha cerca de 32 mil habitantes, chamou a atenção do empresário que, depois de trabalhar na lavoura, já tinha uma mercearia na cidade paranaense de Floraí e um supermercado em Douradina, também interior do Paraná.

Com os irmãos, Antônio fundou em Naviraí as Lojas Floraí, varejo de um mix de produto que vai de vestuário, calçados, cama, mesa e banho até materiais de construção. Nesses 22 anos, a família Alves de Lima não só gerou emprego e renda para o crescimento da cidade, como também cresceu junto com ela. Novas unidades das Lojas Floraí foram abertas em Sirdrolâdia, Caarapó, Itaquiraí, entre outras cidades, e Antônio escolheu também um novo ramo para atuar: a hotelaria. Há dois anos, inaugurou o Gold Hotel na saída para o parque de exposições da cidade e que atua com 80% de ocupação.

“A cidade e o Estado me acolheram de uma forma que não tem nem como querer sair daqui. Construí um patrimônio e hoje quem cuida são meus filhos, Rudnei e Regiane. Por acreditar no potencial da cidade, abri o hotel e já tenho planos de ampliar”, conta Antônio.

Com população estimada em pouco mais de 53 mil habitante, a cidade possui, atualmente, quase três mil empresas ativas e ficou em quarto lugar na geração de empregos do Estado no início deste semestre.

Uma das empresas responsáveis por fortalecer a economia e a geração de emprego é a Perpétua Café e Brechó. Mais do que isso, a Perpétua é uma das responsáveis por renovar e diversificar o mercado da cidade: o estabelecimento é um café onde funciona também um brechó e o espaço é usado para apresentações culturais e artísticas.

Depois de morar 20 anos em Campo Grande, Isa Monteiro mudou-se para Naviraí há dois anos e meio. Com a veia empreendedora pulsante, a contadora queria abrir um negócio na cidade, mas não sabia exatamente o quê. Analisou o mercado por um tempo e quando teve a ideia de abrir um café com brechó, em 2016, contratou a consultoria do Sebrae MS para fazer um estudo de mercado e orientar sobre marketing.

“A primeira coisa que eu observei é que na cidade não existia um modelo de negócio que agregasse as duas opções e a cidade recebeu muito bem, abraçou a Perpétua. A cultura do brechó ainda está em amadurecimento, as pessoas estão se acostumando com a ideia. A Perpétua veio para ser causa e consequência dessa nova forma de pensar e consumir”, relata.

A estrutura da loja também chama atenção: é um container que demorou seis meses para ficar pronto. Em fevereiro deste ano a Perpétua abriu suas portas em Naviraí, com uma equipe de 12 pessoas, que se revezam em 12 horas de turno de domingo a domingo. Por conta da operação complexa, Isa fez questão de ter uma consultoria do Sebrae MS também na área de recursos humanos.

“A parceria com o Sebrae deu tão certo que o nosso atendimento é um dos nossos diferenciais, é muito ágil, todos elogiam. Aproveitei também os conhecimentos e experiências do Empretec para ter maior segurança na hora de tocar o negócio”, conta.

Na Perpétua Café e Brechó, um outro item faz o maior sucesso: a cheescake que é o esposo da Isa mesmo que faz. Mais um excelente motivo para conhecer o lugar quando visitar Naviraí, não?


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.









Deixe seu Comentário