Planejamento Estratégico

12 março, 2021 • Planejamento Estratégico

Como abrir uma franquia?

Investir em franquia é uma manobra relativamente segura, com grandes chances de prosperar, já que, ao se tornar franqueado, você inicia seu empreendimento com um modelo de negócio pronto e já consolidado. O franchising brasileiro é um dos setores da economia com maior crescimento, mesmo em meio a crises de todos os tipos. Em 2019, atingiu um faturamento superior a R$ 417 bilhões no seu último trimestre. É desta maneira que muitos empreendedores realizam seu desejo de tocar um projeto próprio, sem arriscar tanto com uma novidade que precisaria ser testada e aprovada.

Mas, quais os primeiros passos para investir em uma franquia? Como saber se tem o perfil para abrir um negócio deste tipo? O Sebrae te dá algumas dicas!

empresário fechando negócio para abrir uma franquia

Como saber se tenho o perfil para abrir uma franquia?

Se você quer saber se está apto para fazer uma abertura de franquia, entenda se possui o espírito empreendedor, o desejo de empreender com sucesso. Isso é um dos pontos cruciais para enfrentar a rotina muitas vezes puxada do negócio. Os franqueadores , atualmente, procuram por pessoas com este espírito para a abertura de novos estabelecimentos, justamente por ser uma escolha mais assertiva. Eles se atentam ao dinamismo, capacidade de gestão de crises, vontade de aprender e perfil colaborativo das pessoas interessadas.

Como escolher o segmento da minha franquia?

Se já está decidido a abrir uma nova franquia, seu novo desafio é escolher em qual área será o seu negócio. É importante avaliar muito bem o segmento, entender o nicho de mercado, os modelos de operação, produtos e serviços. Se você já conhece e gosta da marca escolhida, fica mais fácil e mais interessante abrir uma franquia seguindo o seu modelo de negócio. Por isso, pesquise e encontre empresas que te inspiram e com as quais gostaria de trabalhar!

Depois disso, estude muito bem a sua escolha, avalie as tendências de mercado, entenda se o local onde quer abrir a franquia tem potencial para vendas, e por aí vai. Quanto mais souber sobre o empreendimento, melhor. Agora se ainda não definiu a área em que deseja atuar, avalie.

Segundo a ABF, Associação Brasileira de Franchising, existem 11 áreas de atuação no ramo das franquias. São:

uma franquia funcionando

Alimentação

Casa e Construção

Comunicação, Informática e Eletrônicos

Entretenimento e Lazer

Hotelaria e Turismo

Limpeza e Conservação

Moda

Saúde, Beleza e Bem-Estar

Serviços Automotivos

Serviços e Outros Negócios

Serviços Educacionais

Entenda qual setor mais combina com o seu perfil e tem mais chances de retorno em sua região. Estude as marcas e busque cases de sucesso. Isso tudo são exercícios, para quem sabe no futuro, te preparar para abrir sua própria franquia!

Quanto investir para abrir uma franquia?

Os valores de investimento para quem deseja abrir uma franquia são bastante variados. Existem propostas que valorizam os empresários de menor porte, até aquisições com alto custo de abertura. É preciso ter planejamento financeiro para tocar o seu negócio com sucesso. Por isso, atente-se a todas as taxas que a franquia impõe, pois algumas delas podem cobrar royalties. A média de valores investidos varia entre R$ 5 mil a R$ 36 milhões, com um prazo de retorno do investimento inicial oscilando entre 24 e 36 meses.

É importante ressaltar que no Brasil existe um sistema de leis de franquias que impõem algumas exigências antes de abrir seu empreendimento. Inicialmente, é necessária a apresentação da Circular de Oferta de Franquia — COF, cujo documento é emitido pela franqueadora ao novo franqueado. Ele possui informações como valores, taxas, prazos, obrigações, exclusividades, fornecedores etc.

Antes de comprar uma franquia, você também deve analisar como é feito o seu cálculo de investimento:

Capital para instalação

Valor mínimo: R$2.000,00

Valor máximo: R$ 4.000,00

Taxa de franquia

Valor mínimo: R$ 2.000,00

Valor máximo: R$ 6.000,00

Capital de giro

Valor mínimo: R$ 1.000,00

Valor máximo: R$ 3.000,00

Investimento total

Valor mínimo: R$ 5.000,00

Valor máximo: R$ 13.000,00

É importante lembrar que, para abrir uma franquia, é preciso conhecer muito bem a rede na qual você deseja investir, entender seu mercado e suas possibilidades, escolher local e segmentos certos, e estudar bastante o mundo das franquias. Que tal dar um passo adiante no seu sonho de ter um negócio próprio? O Sebrae te ajuda!

 

Para complementar ainda mais seu estudo sobre empreendedorismo, baixe o material que preparamos especialmente para você:

Guia de Abertura de Empresa (E-book + Trilha de Empreendedorismo)

Investir em franquia é uma manobra relativamente segura, com grandes chances de prosperar, já que, ao se tornar franqueado, você inicia seu empreendimento com um modelo de negócio pronto e já consolidado. O franchising brasileiro é um dos setores da economia com maior crescimento, mesmo em meio a crises de todos os tipos. Em 2019, atingiu um faturamento superior a R$ 417 bilhões no seu último trimestre. É desta maneira que muitos empreendedores realizam seu desejo de tocar um projeto próprio, sem arriscar tanto com uma novidade que precisaria ser testada e aprovada.

Mas, quais os primeiros passos para investir em uma franquia? Como saber se tem o perfil para abrir um negócio deste tipo? O Sebrae te dá algumas dicas!

empresário fechando negócio para abrir uma franquia

Como saber se tenho o perfil para abrir uma franquia?

Se você quer saber se está apto para fazer uma abertura de franquia, entenda se possui o espírito empreendedor, o desejo de empreender com sucesso. Isso é um dos pontos cruciais para enfrentar a rotina muitas vezes puxada do negócio. Os franqueadores , atualmente, procuram por pessoas com este espírito para a abertura de novos estabelecimentos, justamente por ser uma escolha mais assertiva. Eles se atentam ao dinamismo, capacidade de gestão de crises, vontade de aprender e perfil colaborativo das pessoas interessadas.

Como escolher o segmento da minha franquia?

Se já está decidido a abrir uma nova franquia, seu novo desafio é escolher em qual área será o seu negócio. É importante avaliar muito bem o segmento, entender o nicho de mercado, os modelos de operação, produtos e serviços. Se você já conhece e gosta da marca escolhida, fica mais fácil e mais interessante abrir uma franquia seguindo o seu modelo de negócio. Por isso, pesquise e encontre empresas que te inspiram e com as quais gostaria de trabalhar!

Depois disso, estude muito bem a sua escolha, avalie as tendências de mercado, entenda se o local onde quer abrir a franquia tem potencial para vendas, e por aí vai. Quanto mais souber sobre o empreendimento, melhor. Agora se ainda não definiu a área em que deseja atuar, avalie.

Segundo a ABF, Associação Brasileira de Franchising, existem 11 áreas de atuação no ramo das franquias. São:

uma franquia funcionando

Alimentação

Casa e Construção

Comunicação, Informática e Eletrônicos

Entretenimento e Lazer

Hotelaria e Turismo

Limpeza e Conservação

Moda

Saúde, Beleza e Bem-Estar

Serviços Automotivos

Serviços e Outros Negócios

Serviços Educacionais

Entenda qual setor mais combina com o seu perfil e tem mais chances de retorno em sua região. Estude as marcas e busque cases de sucesso. Isso tudo são exercícios, para quem sabe no futuro, te preparar para abrir sua própria franquia!

Quanto investir para abrir uma franquia?

Os valores de investimento para quem deseja abrir uma franquia são bastante variados. Existem propostas que valorizam os empresários de menor porte, até aquisições com alto custo de abertura. É preciso ter planejamento financeiro para tocar o seu negócio com sucesso. Por isso, atente-se a todas as taxas que a franquia impõe, pois algumas delas podem cobrar royalties. A média de valores investidos varia entre R$ 5 mil a R$ 36 milhões, com um prazo de retorno do investimento inicial oscilando entre 24 e 36 meses.

É importante ressaltar que no Brasil existe um sistema de leis de franquias que impõem algumas exigências antes de abrir seu empreendimento. Inicialmente, é necessária a apresentação da Circular de Oferta de Franquia — COF, cujo documento é emitido pela franqueadora ao novo franqueado. Ele possui informações como valores, taxas, prazos, obrigações, exclusividades, fornecedores etc.

Antes de comprar uma franquia, você também deve analisar como é feito o seu cálculo de investimento:

Capital para instalação

Valor mínimo: R$2.000,00

Valor máximo: R$ 4.000,00

Taxa de franquia

Valor mínimo: R$ 2.000,00

Valor máximo: R$ 6.000,00

Capital de giro

Valor mínimo: R$ 1.000,00

Valor máximo: R$ 3.000,00

Investimento total

Valor mínimo: R$ 5.000,00

Valor máximo: R$ 13.000,00

É importante lembrar que, para abrir uma franquia, é preciso conhecer muito bem a rede na qual você deseja investir, entender seu mercado e suas possibilidades, escolher local e segmentos certos, e estudar bastante o mundo das franquias. Que tal dar um passo adiante no seu sonho de ter um negócio próprio? O Sebrae te ajuda!

 

Para complementar ainda mais seu estudo sobre empreendedorismo, baixe o material que preparamos especialmente para você:

Guia de Abertura de Empresa (E-book + Trilha de Empreendedorismo)


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.






Deixe um comentário