Plano de Negócios

16 junho, 2014 • Plano de Negócios

A importância do planejamento estratégico para as empresas

plano de negócio O planejamento estratégico não só é fundamental, como também o ponto de partida para quem deseja abrir uma empresa. Afinal, é ele que irá traçar os rumos do empreendimento e contribuir para que os resultados sejam positivos.

Planejar é um ato importante no mundo dos negócios. Ele é capaz de orientar onde estamos e onde queremos chegar. Ou seja, mensura aquilo que realmente queremos para o futuro. De acordo com o especialista em gestão estratégica de empresas e também consultor do Sebrae/MS, Luiz Alberto Cogorno: “Nos ajuda a perceber como querermos estar posicionados no mercado ou na cabeça do cliente, e como vamos atingir nossos objetivos”.

Para quem não sabe por onde começar, o Sebrae/MS criou um projeto chamado Nascer Bem, nele você encontra as peças fundamentais para ver se a sua ideia é viável, como estruturá-la e como gerenciá-la passo a passo.

Somente sabendo onde se quer chegar, é que é possível entender como deve ser feito para ter um retorno eficaz. Luiz Cogorno ensina o caminho:

“O primeiro passo para um bom planejamento estratégico é fazer uma análise interna da empresa. Para isso, é necessário que o empresário tenha um olhar sincero e sistêmico de quais são os pontos fortes e pontos fracos de seu negócio. Sempre compartilhando informações e questionamento com sua equipe para ter levantamentos mais precisos e eficazes”.

Para ele, o segundo passo é analisar o ambiente externo. Busque as oportunidades que vêm do mercado e fora da empresa, que podem ser aproveitadas. Depois de ter analisado o ponto forte, essas oportunidades ficarão mais visíveis. E, ao mesmo tempo, não se esqueça de pontuar possíveis ameaças, para estar cada vez mais preparado. Lembrando que as fraquezas não devem impedem o bom andamento do planejamento estratégico.

A partir daí, e com auxílio de algumas ferramentas, você terá o direcionamento preciso de quais devem ser suas estratégias, o que pode ser feito para chegar no objetivo principal traçado.

Uma dessas ferramentas é o Balanced Scorecard, que te ajuda a monitorar e acompanhar sua visão estratégica inicial. Funciona como um sistema de gestão de desempenho. O consultor do Sebrae MS recomenda: “De nada adianta apenas fazer o planejamento estratégico, o ideal é implementá-lo. E essa ferramenta pode mensurar se os objetivos estão acontecendo, e se não estão, como reverter essa situação”.

Um outro mecanismo é o Canvas. Um dos mais utilizados pelos empreendedores de sucesso quando o assunto é inovar no modelo de negócio. Por meio dele, é possível fazer uma análise das ideias e colocá-las em prática. “O Canvas te ajuda a olhar para dentro da empresa com o mesmo olhar do cliente. Descobrir o que agregar de valor, e o que poderá ser feito para gerar retorno ao empreendimento”, comenta Cogorno. O Nascer Bem também pode te orientar na utilização desse sistema, para construção de seu modelo de negócios e estratégias.

plano de negócio O planejamento estratégico não só é fundamental, como também o ponto de partida para quem deseja abrir uma empresa. Afinal, é ele que irá traçar os rumos do empreendimento e contribuir para que os resultados sejam positivos.

Planejar é um ato importante no mundo dos negócios. Ele é capaz de orientar onde estamos e onde queremos chegar. Ou seja, mensura aquilo que realmente queremos para o futuro. De acordo com o especialista em gestão estratégica de empresas e também consultor do Sebrae/MS, Luiz Alberto Cogorno: “Nos ajuda a perceber como querermos estar posicionados no mercado ou na cabeça do cliente, e como vamos atingir nossos objetivos”.

Para quem não sabe por onde começar, o Sebrae/MS criou um projeto chamado Nascer Bem, nele você encontra as peças fundamentais para ver se a sua ideia é viável, como estruturá-la e como gerenciá-la passo a passo.

Somente sabendo onde se quer chegar, é que é possível entender como deve ser feito para ter um retorno eficaz. Luiz Cogorno ensina o caminho:

“O primeiro passo para um bom planejamento estratégico é fazer uma análise interna da empresa. Para isso, é necessário que o empresário tenha um olhar sincero e sistêmico de quais são os pontos fortes e pontos fracos de seu negócio. Sempre compartilhando informações e questionamento com sua equipe para ter levantamentos mais precisos e eficazes”.

Para ele, o segundo passo é analisar o ambiente externo. Busque as oportunidades que vêm do mercado e fora da empresa, que podem ser aproveitadas. Depois de ter analisado o ponto forte, essas oportunidades ficarão mais visíveis. E, ao mesmo tempo, não se esqueça de pontuar possíveis ameaças, para estar cada vez mais preparado. Lembrando que as fraquezas não devem impedem o bom andamento do planejamento estratégico.

A partir daí, e com auxílio de algumas ferramentas, você terá o direcionamento preciso de quais devem ser suas estratégias, o que pode ser feito para chegar no objetivo principal traçado.

Uma dessas ferramentas é o Balanced Scorecard, que te ajuda a monitorar e acompanhar sua visão estratégica inicial. Funciona como um sistema de gestão de desempenho. O consultor do Sebrae MS recomenda: “De nada adianta apenas fazer o planejamento estratégico, o ideal é implementá-lo. E essa ferramenta pode mensurar se os objetivos estão acontecendo, e se não estão, como reverter essa situação”.

Um outro mecanismo é o Canvas. Um dos mais utilizados pelos empreendedores de sucesso quando o assunto é inovar no modelo de negócio. Por meio dele, é possível fazer uma análise das ideias e colocá-las em prática. “O Canvas te ajuda a olhar para dentro da empresa com o mesmo olhar do cliente. Descobrir o que agregar de valor, e o que poderá ser feito para gerar retorno ao empreendimento”, comenta Cogorno. O Nascer Bem também pode te orientar na utilização desse sistema, para construção de seu modelo de negócios e estratégias.


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.







Um Comentário

  1. […] fim, monte um planejamento estratégico bem estruturado, desenvolvimento metas previstas para os próximos anos, invista assertivamente em […]




Deixe seu Comentário