Empreendedorismo

13 fevereiro, 2019 • Empreendedorismo

Como uma associação pode ajudar a sua empresa?

Sabemos bem que começar um negócio não é uma tarefa fácil. São muitos os desafios a serem vencidos antes que a empresa decole. Entender um pouco de gestão, selecionar e contratar funcionários, captar e conquistar os primeiros clientes são só alguns deles.

Nessa hora, toda ajuda é bem-vinda e uma associação entre empresários pode ser justamente essa “mãozinha”. Antes de falar sobre os benefícios práticos que uma associação gera aos empresários, vamos entender o que ela realmente significa.

Uma associação é, ao pé da letra, a união de um grupo de pessoas que buscam um mesmo objetivo. Ou seja, quando um grupo de empreendedores se une, é possível conquistar desde uma melhor iluminação para a rua onde seu negócio fica até a instalação de câmeras de segurança.

As associações em Campo Grande

Há pelo menos 5 anos, os olhos dos consumidores de Campo Grande têm se voltado para outras regiões que não o centro da cidade para fazer compras e buscar diversão. E, por isso, algumas regiões como a Avenida Bom Pastor e a Rua José Antônio viram a necessidade de criar associações que conseguissem conversar melhor com o setor público e trazer melhorias para os empreendedores da região.

A grande concentração de bares e restaurantes ao longo da Avenida Bom Pastor chamou a atenção da sociedade campo-grandense e também da Prefeitura Municipal que, em 2015, propôs a criação de um Corredor Gastronômico para fomentar a economia do local.

Para acompanhar o projeto e fazer a região mais atrativa, foi criada, em 2016, a Associação dos Empresários da Avenida Bom Pastor (Assempave).

“Com a associação, conseguimos melhorar a coleta de lixo, realizar eventos, como o festival gastronômico, decoração de Natal nas praças, entre outras coisas. São detalhes que fazem toda a diferença na hora do cliente decidir pela Avenida Bom Pastor, que impactam na experiência dele, e que também atrai novos empreendedores para a região”, explica Leonardo Bruno Santos Mangiapelo, administrador do espaço Mangapark Quintal Gastronômico e atual presidente da Assempave.

O empresário Rodrigo Hata, sócio do Velfarre Bar, é o atual presidente da AEJAP (Associação de Empresários da José Antônio Pereira), e diz que a ideia de unir os comerciantes da rua começou quando ele participou de uma reunião sobre a associação da Av. Bom Pastor. “Surgiu o interesse de montar um negócio naquela rua, porém, analisei que eu também fazia parte de uma rua extensa e que já tinha uma tradição de gastronomia e outras empresas”, comenta.

Foi aí que Rodrigo pensou que uma associação poderia trazer muitos benefícios para os negócios de sua rua e, em parceria com um concorrente, sugeriram a ideia para os demais empresários. “Fizemos uma caminhada analisando e entregando um convite para a primeira reunião da possível Associação da nossa rua. A primeira assembleia foi em julho de 2018”, relembra.

Conquistas

A AEJAP surgiu, de fato, em novembro de 2018, com a posse de Rodrigo como presidente, e, desde então, coleciona conquistas. “Já conseguimos protocolar diversos ofícios juntos ao órgãos responsáveis tais como: pintura das sinalizações de trânsito, instalação de semáforos em cruzamentos perigosos, solicitações e apoio de policiamento, criação de um grupo no Whatsapp com os empresários e a polícia municipal”, conta Rodrigo. Também foi instalado o programa Cidadão Integrado, onde cada comércio pode posicionar uma câmera na rua.

Além das vantagens de melhorias na infraestrutura do local, há a possibilidade da associação minimizar gastos, realizando compras em grupo, negociando com fornecedores, garantindo sustentabilidade financeira.  

Gostou da ideia? Se inspirou? Conte com o Sebrae MS para realizar!

Sabemos bem que começar um negócio não é uma tarefa fácil. São muitos os desafios a serem vencidos antes que a empresa decole. Entender um pouco de gestão, selecionar e contratar funcionários, captar e conquistar os primeiros clientes são só alguns deles.

Nessa hora, toda ajuda é bem-vinda e uma associação entre empresários pode ser justamente essa “mãozinha”. Antes de falar sobre os benefícios práticos que uma associação gera aos empresários, vamos entender o que ela realmente significa.

Uma associação é, ao pé da letra, a união de um grupo de pessoas que buscam um mesmo objetivo. Ou seja, quando um grupo de empreendedores se une, é possível conquistar desde uma melhor iluminação para a rua onde seu negócio fica até a instalação de câmeras de segurança.

As associações em Campo Grande

Há pelo menos 5 anos, os olhos dos consumidores de Campo Grande têm se voltado para outras regiões que não o centro da cidade para fazer compras e buscar diversão. E, por isso, algumas regiões como a Avenida Bom Pastor e a Rua José Antônio viram a necessidade de criar associações que conseguissem conversar melhor com o setor público e trazer melhorias para os empreendedores da região.

A grande concentração de bares e restaurantes ao longo da Avenida Bom Pastor chamou a atenção da sociedade campo-grandense e também da Prefeitura Municipal que, em 2015, propôs a criação de um Corredor Gastronômico para fomentar a economia do local.

Para acompanhar o projeto e fazer a região mais atrativa, foi criada, em 2016, a Associação dos Empresários da Avenida Bom Pastor (Assempave).

“Com a associação, conseguimos melhorar a coleta de lixo, realizar eventos, como o festival gastronômico, decoração de Natal nas praças, entre outras coisas. São detalhes que fazem toda a diferença na hora do cliente decidir pela Avenida Bom Pastor, que impactam na experiência dele, e que também atrai novos empreendedores para a região”, explica Leonardo Bruno Santos Mangiapelo, administrador do espaço Mangapark Quintal Gastronômico e atual presidente da Assempave.

O empresário Rodrigo Hata, sócio do Velfarre Bar, é o atual presidente da AEJAP (Associação de Empresários da José Antônio Pereira), e diz que a ideia de unir os comerciantes da rua começou quando ele participou de uma reunião sobre a associação da Av. Bom Pastor. “Surgiu o interesse de montar um negócio naquela rua, porém, analisei que eu também fazia parte de uma rua extensa e que já tinha uma tradição de gastronomia e outras empresas”, comenta.

Foi aí que Rodrigo pensou que uma associação poderia trazer muitos benefícios para os negócios de sua rua e, em parceria com um concorrente, sugeriram a ideia para os demais empresários. “Fizemos uma caminhada analisando e entregando um convite para a primeira reunião da possível Associação da nossa rua. A primeira assembleia foi em julho de 2018”, relembra.

Conquistas

A AEJAP surgiu, de fato, em novembro de 2018, com a posse de Rodrigo como presidente, e, desde então, coleciona conquistas. “Já conseguimos protocolar diversos ofícios juntos ao órgãos responsáveis tais como: pintura das sinalizações de trânsito, instalação de semáforos em cruzamentos perigosos, solicitações e apoio de policiamento, criação de um grupo no Whatsapp com os empresários e a polícia municipal”, conta Rodrigo. Também foi instalado o programa Cidadão Integrado, onde cada comércio pode posicionar uma câmera na rua.

Além das vantagens de melhorias na infraestrutura do local, há a possibilidade da associação minimizar gastos, realizando compras em grupo, negociando com fornecedores, garantindo sustentabilidade financeira.  

Gostou da ideia? Se inspirou? Conte com o Sebrae MS para realizar!


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.






Deixe um comentário


ankara escort çankaya escort ankara escort çankaya escort escort ankara çankaya escort escort bayan çankaya istanbul rus escort eryaman escort escort bayan ankara ankara escort kızılay escort istanbul escort ankara escort ankara rus escort escort çankaya ankara escort bayan istanbul rus Escort atasehir Escort beylikduzu Escort Ankara Escort malatya Escort kuşadası Escort gaziantep Escort izmir Escort