Liderança e Pessoas

15 setembro, 2021 • Liderança e Pessoas

Como criar estratégias para não depender exclusivamente de um único funcionário?

Levar bons resultados para o seu negócio é muito importante para que ele cresça e funcione bem. Entretanto, é essencial que o sucesso da sua empresa não dependa apenas de uma única pessoa. Reter o bom desempenho do dia a dia de trabalho nas mãos de um gestor, ou mesmo de um colaborador, não é uma boa opção, já que na sua ausência não seria possível manter as coisas em ordem.

Para evitar que isso aconteça, é preciso realizar treinamentos constantes para que toda sua equipe saiba exatamente o que fazer e como executar suas tarefas. Desta forma, todos atuam em conjunto, provendo bons resultados para a empresa, sem depender de uma pessoa para que tudo corra bem.

Fazer uma boa gestão de todos os seus funcionários e dar autonomia e conhecimento para todos é o caminho para colher bons frutos no trabalho. Quer saber como fazer isso na sua empresa? Confira nossas dicas!

Como gerenciar minha equipe para que tenham autonomia?

 Como criar estratégias para não depender exclusivamente de um único funcionário?

É essencial entender que, para que o trabalho flua e sua empresa funcione, sem ter que precisar exclusivamente de uma pessoa, você deve trabalhar processos, além da autonomia dos seus colaboradores. Além disso, é importante oferecer treinamentos eficazes e com frequência para a equipe e estimular o aprendizado entre os colaboradores. Preste atenção nestes detalhes:

1 – Estabeleça processos, com cartilhas, manuais e fluxos de atividades bem definidos

Para não centralizar o conhecimento em uma pessoa, personificando uma função, invista tempo para documentar seus processos e fluxos das atividades recorrentes e primordiais de sua empresa – seja através de cartilhas, manuais ou documentos descritivos mais simplificados. Desta forma, você minimizará o impacto da ausência de um colaborador – seja por motivo de férias, saúde ou mudança – e dará ao novo ocupante da função um guia de como proceder.

2 – Faça treinamentos de integração

Quando novos colaboradores entram para o seu time, construa um processo interno de integração destes profissionais com os demais colaboradores e com a empresa. Desta forma, eles estarão a par de todo o funcionamento e todos os processos utilizados. Além disso, poderão tirar suas dúvidas e se integrar ao negócio, envolvendo-se com a equipe. Reforce a cultura da empresa e seus valores. Este entrosamento é importante e benéfico para todo o negócio.

3 – Faça reciclagem constante e promova o desenvolvimento de novas habilidades

Assim como é interessante apresentar a empresa para quem está chegando, é essencial fazer reciclagens com seus funcionários mais antigos. De tempos em tempos, volte a conversar com estes profissionais, tire suas dúvidas e treine-os para que reforcem seus conhecimentos nas ferramentas. Além disso, exercite o desenvolvimento de novos conhecimentos e incentive os profissionais a aprenderem novas habilidades.

Leia também: Dicas para melhorar a comunicação e o relacionamento com a equipe

4 – Trabalhe o desenvolvimento individual de cada funcionário

Mesmo que seu medo seja depender de uma só pessoa, é preciso dar autonomia ao seu colaborador. Crie formas de treinar seu profissional e levar soluções personalizadas para que ele se sinta valorizado na empresa. É importante também saber como bonificar e ouvir as pessoas individualmente, para que se sintam motivadas.

Como gestor, você deve incentivar cada profissional a despertar o seu melhor no trabalho, e desenvolver suas habilidades. Ofereça opções de crescimento e dê feedbacks constantes para que esta pessoa evolua no trabalho. Dar atenção ao seu pessoal é a chave para desenvolvê-los e dar a autonomia necessária.

Sendo um funcionário satisfeito, ele se sentirá mais motivado para repassar suas funções e treinar possíveis substitutos; afinal, com a promoção, ele será o responsável por fazer a transição com o colega que o substituir.

5 – Recompense os esforços

É preciso saber recompensar todos os esforços que sua equipe faz, e cada resultado positivo individual. Isso incentiva seu profissional a se sentir capaz e fazer além do esperado. As bonificações mantêm seu time estimulado e faz com que o desempenho da equipe seja cada vez melhor.

Se você quer saber como bonificar da maneira correta e deixar seu time motivado, acesse nosso material exclusivo para descobrir: Como definir metas de equipe e bonificações individuais conforme a CLT?

Gostou das nossas dicas? Fique atento aos nossos próximos conteúdos para otimizar sua gestão.

Conte sempre com o Sebrae!

Até mais!

Levar bons resultados para o seu negócio é muito importante para que ele cresça e funcione bem. Entretanto, é essencial que o sucesso da sua empresa não dependa apenas de uma única pessoa. Reter o bom desempenho do dia a dia de trabalho nas mãos de um gestor, ou mesmo de um colaborador, não é uma boa opção, já que na sua ausência não seria possível manter as coisas em ordem.

Para evitar que isso aconteça, é preciso realizar treinamentos constantes para que toda sua equipe saiba exatamente o que fazer e como executar suas tarefas. Desta forma, todos atuam em conjunto, provendo bons resultados para a empresa, sem depender de uma pessoa para que tudo corra bem.

Fazer uma boa gestão de todos os seus funcionários e dar autonomia e conhecimento para todos é o caminho para colher bons frutos no trabalho. Quer saber como fazer isso na sua empresa? Confira nossas dicas!

Como gerenciar minha equipe para que tenham autonomia?

 Como criar estratégias para não depender exclusivamente de um único funcionário?

É essencial entender que, para que o trabalho flua e sua empresa funcione, sem ter que precisar exclusivamente de uma pessoa, você deve trabalhar processos, além da autonomia dos seus colaboradores. Além disso, é importante oferecer treinamentos eficazes e com frequência para a equipe e estimular o aprendizado entre os colaboradores. Preste atenção nestes detalhes:

1 – Estabeleça processos, com cartilhas, manuais e fluxos de atividades bem definidos

Para não centralizar o conhecimento em uma pessoa, personificando uma função, invista tempo para documentar seus processos e fluxos das atividades recorrentes e primordiais de sua empresa – seja através de cartilhas, manuais ou documentos descritivos mais simplificados. Desta forma, você minimizará o impacto da ausência de um colaborador – seja por motivo de férias, saúde ou mudança – e dará ao novo ocupante da função um guia de como proceder.

2 – Faça treinamentos de integração

Quando novos colaboradores entram para o seu time, construa um processo interno de integração destes profissionais com os demais colaboradores e com a empresa. Desta forma, eles estarão a par de todo o funcionamento e todos os processos utilizados. Além disso, poderão tirar suas dúvidas e se integrar ao negócio, envolvendo-se com a equipe. Reforce a cultura da empresa e seus valores. Este entrosamento é importante e benéfico para todo o negócio.

3 – Faça reciclagem constante e promova o desenvolvimento de novas habilidades

Assim como é interessante apresentar a empresa para quem está chegando, é essencial fazer reciclagens com seus funcionários mais antigos. De tempos em tempos, volte a conversar com estes profissionais, tire suas dúvidas e treine-os para que reforcem seus conhecimentos nas ferramentas. Além disso, exercite o desenvolvimento de novos conhecimentos e incentive os profissionais a aprenderem novas habilidades.

Leia também: Dicas para melhorar a comunicação e o relacionamento com a equipe

4 – Trabalhe o desenvolvimento individual de cada funcionário

Mesmo que seu medo seja depender de uma só pessoa, é preciso dar autonomia ao seu colaborador. Crie formas de treinar seu profissional e levar soluções personalizadas para que ele se sinta valorizado na empresa. É importante também saber como bonificar e ouvir as pessoas individualmente, para que se sintam motivadas.

Como gestor, você deve incentivar cada profissional a despertar o seu melhor no trabalho, e desenvolver suas habilidades. Ofereça opções de crescimento e dê feedbacks constantes para que esta pessoa evolua no trabalho. Dar atenção ao seu pessoal é a chave para desenvolvê-los e dar a autonomia necessária.

Sendo um funcionário satisfeito, ele se sentirá mais motivado para repassar suas funções e treinar possíveis substitutos; afinal, com a promoção, ele será o responsável por fazer a transição com o colega que o substituir.

5 – Recompense os esforços

É preciso saber recompensar todos os esforços que sua equipe faz, e cada resultado positivo individual. Isso incentiva seu profissional a se sentir capaz e fazer além do esperado. As bonificações mantêm seu time estimulado e faz com que o desempenho da equipe seja cada vez melhor.

Se você quer saber como bonificar da maneira correta e deixar seu time motivado, acesse nosso material exclusivo para descobrir: Como definir metas de equipe e bonificações individuais conforme a CLT?

Gostou das nossas dicas? Fique atento aos nossos próximos conteúdos para otimizar sua gestão.

Conte sempre com o Sebrae!

Até mais!


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.






Deixe um comentário