Liderança e Pessoas

29 setembro, 2021 • Liderança e Pessoas

Como identificar talentos e preparar um funcionário para cargos de gerência

Talentos, habilidades e atitudes diferenciadas fazem parte do perfil de colaboradores que podem ajudar a empresa a crescer. Estes profissionais, de alguma forma, destacam-se dentro da empresa, porém, o que falta, muitas vezes, é a gestão ter um olhar específico perante essas características de membros da sua equipe.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para você, gestor, identificar talentos e preparar funcionários para cargos específicos dentro da sua empresa. Confira!

Dicas de como identificar talentos na sua empresa

Como identificar talentos e preparar um funcionário para cargos de gerência

Para serem notados, estes colaboradores precisam colocar em prática essas habilidades e, sempre que possível, fazer com que elas se sobressaiam para que os resultados sejam prósperos à empresa. Mas, quando ele não tem esse ‘time’, fica a critério da gestão reparar e, obviamente, estimular este funcionário.

1 – Proponha desafios

Normalmente um profissional talentoso que ainda não se descobriu pode estar esperando a hora certa para se destacar. Contando com a ajuda da liderança da empresa, é possível mostrar-lhes que é capaz através de alguns desafios.

Neste caso, sugerimos propor algumas atividades mais complexas com as quais ele está acostumado e acompanhar o processo. Lembre-se do fator motivacional que é infalível na hora de valorizar o seu colaborador.

2 – Avalie as características

Avaliar as características do funcionário é a segunda dica que damos, uma vez que, saber como ele é, serve de auxílio na hora de direcioná-lo e, também, na hora de tomar decisões assertivas, como por exemplo, observar se as características batem com um cargo de gerência.

3 – Saiba como o colaborador age perante a empresa

Para poder incentivar o colaborador a subir de cargo, por exemplo, é necessário que você saiba como ele age no ambiente de trabalho, principalmente como ele desenvolve o atual cargo.

O desempenho dele é que te dará a certeza de que ele está preparado para assumir outras responsabilidades. Por isso, veja se ele está conseguindo fazer um bom trabalho, se há comprometimento e entrega da parte dele e avalie as situações antes de decidir lhe oferecer um crescimento profissional.

4 – Conquiste os talentos

Conquistar talentos é outra oportunidade que o gestor tem para estimular o funcionário que quer subir de cargo. Você pode conquistá-lo sendo gentil com um trabalho exercido por ele ou também, conquistá-lo com benefícios. Além do mais, conquistar os colaboradores é uma forma de reconhecimento que eles merecem e, assim, sentem-se valorizados profissionalmente.

5 – Ouça os colaboradores

Ouvir é uma etapa importante do processo de motivação dos funcionários. Quando eles têm chances de expor suas ideias e debater o que pensam da empresa onde trabalham, é uma oportunidade a mais do gestor para conhecê-los e saber as expectativas de cada um.

Portanto, proponha rodas de conversa, peça sugestões e faça-os se sentirem responsáveis por suas ideias. Isso será um fator motivador para que eles se encorajem e tenham mais autoconfiança.

6 – Tenha comprometimento

Quando a gestão se compromete com os valores da empresa e expande aos seus colaboradores, ela assume uma postura de elo com os funcionários. Isso porque o comprometimento é uma espécie de mão dupla, ou seja, os colaboradores se tornam mais engajados com a empresa e a gestão retribui à altura, dando respaldo aos funcionários e esperança no crescimento profissional, por exemplo.

Gestores que se empenham com o comprometimento dos funcionários têm mais chances de angariar uma maior produtividade da parte deles. Por isso, demonstre interesse em seu bem-estar e tenha uma comunicação transparente com todos.

Conclusão

Agora que você absorveu dicas de como identificar talentos e preparar um funcionário para cargos maiores, como o de gerência, por exemplo, é hora de praticar e montar os caminhos certos para que o colaborador se sinta bem e contribua para o crescimento da empresa.

Não se esqueça de uma coisa: a falta de reconhecimento e de contato direto e transparente é uma das falhas mais comuns que as lideranças cometem e, também, a principal causa que levam os profissionais a abandonarem seus empregos.

Se ainda assim, você tiver dúvidas, confira nosso curso exclusivo sobre gestão e produtividade na empresa. Bons líderes são responsáveis por identificar talentos e descobrir quais membros da equipe tem potencial ou não para assumir uma gerência.

Talentos, habilidades e atitudes diferenciadas fazem parte do perfil de colaboradores que podem ajudar a empresa a crescer. Estes profissionais, de alguma forma, destacam-se dentro da empresa, porém, o que falta, muitas vezes, é a gestão ter um olhar específico perante essas características de membros da sua equipe.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para você, gestor, identificar talentos e preparar funcionários para cargos específicos dentro da sua empresa. Confira!

Dicas de como identificar talentos na sua empresa

Como identificar talentos e preparar um funcionário para cargos de gerência

Para serem notados, estes colaboradores precisam colocar em prática essas habilidades e, sempre que possível, fazer com que elas se sobressaiam para que os resultados sejam prósperos à empresa. Mas, quando ele não tem esse ‘time’, fica a critério da gestão reparar e, obviamente, estimular este funcionário.

1 – Proponha desafios

Normalmente um profissional talentoso que ainda não se descobriu pode estar esperando a hora certa para se destacar. Contando com a ajuda da liderança da empresa, é possível mostrar-lhes que é capaz através de alguns desafios.

Neste caso, sugerimos propor algumas atividades mais complexas com as quais ele está acostumado e acompanhar o processo. Lembre-se do fator motivacional que é infalível na hora de valorizar o seu colaborador.

2 – Avalie as características

Avaliar as características do funcionário é a segunda dica que damos, uma vez que, saber como ele é, serve de auxílio na hora de direcioná-lo e, também, na hora de tomar decisões assertivas, como por exemplo, observar se as características batem com um cargo de gerência.

3 – Saiba como o colaborador age perante a empresa

Para poder incentivar o colaborador a subir de cargo, por exemplo, é necessário que você saiba como ele age no ambiente de trabalho, principalmente como ele desenvolve o atual cargo.

O desempenho dele é que te dará a certeza de que ele está preparado para assumir outras responsabilidades. Por isso, veja se ele está conseguindo fazer um bom trabalho, se há comprometimento e entrega da parte dele e avalie as situações antes de decidir lhe oferecer um crescimento profissional.

4 – Conquiste os talentos

Conquistar talentos é outra oportunidade que o gestor tem para estimular o funcionário que quer subir de cargo. Você pode conquistá-lo sendo gentil com um trabalho exercido por ele ou também, conquistá-lo com benefícios. Além do mais, conquistar os colaboradores é uma forma de reconhecimento que eles merecem e, assim, sentem-se valorizados profissionalmente.

5 – Ouça os colaboradores

Ouvir é uma etapa importante do processo de motivação dos funcionários. Quando eles têm chances de expor suas ideias e debater o que pensam da empresa onde trabalham, é uma oportunidade a mais do gestor para conhecê-los e saber as expectativas de cada um.

Portanto, proponha rodas de conversa, peça sugestões e faça-os se sentirem responsáveis por suas ideias. Isso será um fator motivador para que eles se encorajem e tenham mais autoconfiança.

6 – Tenha comprometimento

Quando a gestão se compromete com os valores da empresa e expande aos seus colaboradores, ela assume uma postura de elo com os funcionários. Isso porque o comprometimento é uma espécie de mão dupla, ou seja, os colaboradores se tornam mais engajados com a empresa e a gestão retribui à altura, dando respaldo aos funcionários e esperança no crescimento profissional, por exemplo.

Gestores que se empenham com o comprometimento dos funcionários têm mais chances de angariar uma maior produtividade da parte deles. Por isso, demonstre interesse em seu bem-estar e tenha uma comunicação transparente com todos.

Conclusão

Agora que você absorveu dicas de como identificar talentos e preparar um funcionário para cargos maiores, como o de gerência, por exemplo, é hora de praticar e montar os caminhos certos para que o colaborador se sinta bem e contribua para o crescimento da empresa.

Não se esqueça de uma coisa: a falta de reconhecimento e de contato direto e transparente é uma das falhas mais comuns que as lideranças cometem e, também, a principal causa que levam os profissionais a abandonarem seus empregos.

Se ainda assim, você tiver dúvidas, confira nosso curso exclusivo sobre gestão e produtividade na empresa. Bons líderes são responsáveis por identificar talentos e descobrir quais membros da equipe tem potencial ou não para assumir uma gerência.


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.






Deixe um comentário