Liderança e Pessoas

10 setembro, 2021 • Liderança e Pessoas

Diretrizes para uma descrição de cargos eficaz

Faz parte de uma boa gestão empresarial criar diretrizes para otimizar os processos seletivos do negócio. Para que estas seleções sejam feitas da melhor forma, é importante avaliar como você descreve os cargos da empresa e de que maneira explorar isso ao máximo.

Uma descrição eficaz faz toda a diferença na divulgação de novas vagas para o seu time. Por isso, preste atenção neste trabalho e conte com as dicas do Sebrae para aperfeiçoá-lo!

O que não pode faltar na descrição de uma vaga?

1 – Uma breve apresentação da sua empresa

É essencial que as pessoas saibam sobre a empresa que está divulgando a vaga, quais seus propósitos e ideais, de que forma atua no mercado, entre outras coisas. Descrever as diretrizes do negócio e contar um pouco da sua história fará com que as pessoas entendam qual o perfil do empreendimento. Isso é essencial para atrair pessoas que se identifiquem com isso e se sintam aptas para atuar na empresa.

2 – Descrição do cargo

É essencial que você defina qual o cargo desejado e funções que irá desempenhar ao longo da sua rotina de trabalho. Neste caso não existe regra: você pode optar por nomes fora do padrão, que se alinhem melhor ao que a empresa pede, de uma forma moderna. Também pode optar pela tendência de nomear cargos em inglês. O importante é que o cargo esteja bem definido e alinhado com o papel que o profissional terá no trabalho.

3 – Lista de atividades

Neste item devem estar dispostas todas as atividades pelas quais o candidato ficará responsável caso seja contratado. É essencial que ele saiba tudo o que precisará fazer com clareza. Desta forma, o profissional sabe se estará ou não apto para aquele trabalho, evitando frustrações. Além disso, essa é uma maneira de excluir problemas entre empresa e funcionários, que podem alegar que não sabiam que deveriam executar certas funções.

4 – Requisitos e soft skills

Na descrição de uma vaga de emprego, é necessário listar todos os pré-requisitos exigidos para o cargo, bem como formação, cursos de especialização, conhecimentos em determinados softwares ou ferramentas. Além disso, é preciso também descrever as qualidades desejadas, os chamados soft skills. Neste caso, pode-se recomendar características como boa comunicação, conhecimento em áreas/ferramentas secundárias, bom trabalho em equipe, entre outras coisas.

5- Objetivos

É interessante falar sobre os objetivos da empresa, quais metas precisam ser alcançadas e o que você espera do profissional que entrará para sua equipe. Isso deixará a pessoa mais preparada para o que virá e consciente do que é esperado dela.

6 – Remuneração e formato de trabalho

Informações burocráticas, como remuneração, o formato de contratação, carga horária, local de trabalho e outras coisas, devem ser dispostas na descrição da vaga também. Os candidatos devem saber o máximo possível dos cargos disponíveis, para que tenham certeza de que a vaga é o que eles desejam também.

7 – Data limite para inscrição

Por fim, é indicado que se defina uma data limite para que os candidatos se inscrevam para a vaga. Dessa maneira, seu processo ocorre dentro de um prazo, seguindo um planejamento sólido e sem uma longa espera. Isso é vantagem para a empresa e para os candidatos!

A importância de saber descrever um cargo

Diretrizes para uma descrição de cargos eficaz

Saber fazer uma boa descrição do cargo desejado é fruto de uma gestão empresarial eficaz. Este processo faz parte da estruturação de um bom planejamento para suas futuras seleções de emprego. Ter uma organização quanto a isso é essencial para que você consiga recrutar as pessoas certas para os cargos certos e, da melhor forma possível para o seu time.

Lembre-se de montar um plano de ação e determinar qual a necessidade da empresa no momento. A partir disso, será mais fácil definir o cargo e funções atribuídas a ele. Depois de feito este trabalho, é hora de divulgar sua nova posição. Não se esqueça de seguir nossas instruções e fazer uma boa descrição, divulgando da forma certa e nos lugares corretos.

Assim, sua empresa ganhará com novas aquisições em pessoal, relevantes para o desempenho e crescimento da empresa. Depois da seleção, o próximo passo é saber Como definir metas de equipe e bonificações individuais conforme a CLT. Acesse nosso material para saber mais.

Até a próxima!

Faz parte de uma boa gestão empresarial criar diretrizes para otimizar os processos seletivos do negócio. Para que estas seleções sejam feitas da melhor forma, é importante avaliar como você descreve os cargos da empresa e de que maneira explorar isso ao máximo.

Uma descrição eficaz faz toda a diferença na divulgação de novas vagas para o seu time. Por isso, preste atenção neste trabalho e conte com as dicas do Sebrae para aperfeiçoá-lo!

O que não pode faltar na descrição de uma vaga?

1 – Uma breve apresentação da sua empresa

É essencial que as pessoas saibam sobre a empresa que está divulgando a vaga, quais seus propósitos e ideais, de que forma atua no mercado, entre outras coisas. Descrever as diretrizes do negócio e contar um pouco da sua história fará com que as pessoas entendam qual o perfil do empreendimento. Isso é essencial para atrair pessoas que se identifiquem com isso e se sintam aptas para atuar na empresa.

2 – Descrição do cargo

É essencial que você defina qual o cargo desejado e funções que irá desempenhar ao longo da sua rotina de trabalho. Neste caso não existe regra: você pode optar por nomes fora do padrão, que se alinhem melhor ao que a empresa pede, de uma forma moderna. Também pode optar pela tendência de nomear cargos em inglês. O importante é que o cargo esteja bem definido e alinhado com o papel que o profissional terá no trabalho.

3 – Lista de atividades

Neste item devem estar dispostas todas as atividades pelas quais o candidato ficará responsável caso seja contratado. É essencial que ele saiba tudo o que precisará fazer com clareza. Desta forma, o profissional sabe se estará ou não apto para aquele trabalho, evitando frustrações. Além disso, essa é uma maneira de excluir problemas entre empresa e funcionários, que podem alegar que não sabiam que deveriam executar certas funções.

4 – Requisitos e soft skills

Na descrição de uma vaga de emprego, é necessário listar todos os pré-requisitos exigidos para o cargo, bem como formação, cursos de especialização, conhecimentos em determinados softwares ou ferramentas. Além disso, é preciso também descrever as qualidades desejadas, os chamados soft skills. Neste caso, pode-se recomendar características como boa comunicação, conhecimento em áreas/ferramentas secundárias, bom trabalho em equipe, entre outras coisas.

5- Objetivos

É interessante falar sobre os objetivos da empresa, quais metas precisam ser alcançadas e o que você espera do profissional que entrará para sua equipe. Isso deixará a pessoa mais preparada para o que virá e consciente do que é esperado dela.

6 – Remuneração e formato de trabalho

Informações burocráticas, como remuneração, o formato de contratação, carga horária, local de trabalho e outras coisas, devem ser dispostas na descrição da vaga também. Os candidatos devem saber o máximo possível dos cargos disponíveis, para que tenham certeza de que a vaga é o que eles desejam também.

7 – Data limite para inscrição

Por fim, é indicado que se defina uma data limite para que os candidatos se inscrevam para a vaga. Dessa maneira, seu processo ocorre dentro de um prazo, seguindo um planejamento sólido e sem uma longa espera. Isso é vantagem para a empresa e para os candidatos!

A importância de saber descrever um cargo

Diretrizes para uma descrição de cargos eficaz

Saber fazer uma boa descrição do cargo desejado é fruto de uma gestão empresarial eficaz. Este processo faz parte da estruturação de um bom planejamento para suas futuras seleções de emprego. Ter uma organização quanto a isso é essencial para que você consiga recrutar as pessoas certas para os cargos certos e, da melhor forma possível para o seu time.

Lembre-se de montar um plano de ação e determinar qual a necessidade da empresa no momento. A partir disso, será mais fácil definir o cargo e funções atribuídas a ele. Depois de feito este trabalho, é hora de divulgar sua nova posição. Não se esqueça de seguir nossas instruções e fazer uma boa descrição, divulgando da forma certa e nos lugares corretos.

Assim, sua empresa ganhará com novas aquisições em pessoal, relevantes para o desempenho e crescimento da empresa. Depois da seleção, o próximo passo é saber Como definir metas de equipe e bonificações individuais conforme a CLT. Acesse nosso material para saber mais.

Até a próxima!


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.






Deixe um comentário