Planejamento Estratégico

10 maio, 2021 • Planejamento Estratégico

Como descobrir mais informações sobre o público da minha empresa?

Para conseguir alavancar as vendas do seu negócio, é preciso, antes de tudo, conhecer muito bem o seu público. Isso porque, sabendo dos seus gostos, rotina e preferências, é possível personalizar seus produtos e serviços, bem como sua forma de vender. Tudo para oferecer a melhor alternativa para o seu cliente. Conhecê-lo a fundo faz com que sua empresa sempre saiba quais as melhores formas de atraí-lo. Além disso, conhecer seu público permite que você entenda suas dores e traga soluções direcionadas. Dessa forma, o cliente sente-se conectado com sua marca.

Descubra, com o Sebrae, como conhecer melhor o público da sua futura empresa!

Entenda seu público-alvo

Como descobrir mais informações sobre o público da minha empresa?

O público-alvo é aquela parcela da população que se interessa pela sua marca, pelo universo em que ela está inserida e pelo conteúdo que ela gera. Essas pessoas se identificam com o seu negócio e tendem a comprar seus produtos e serviços. Para traçar o perfil do seu público-alvo, é importante combinar as características do seu negócio com uma série de informações sobre os clientes, como localização, gênero e idade, por exemplo.

Um modelo de público-alvo: mulheres, entre 20 e 30 anos, residentes de São Paulo, com formação superior, classe B, renda entre R$ 4.000,00 e R$ 6.000,00, apaixonadas por moda e decoração.

Determinar o público-alvo da sua empresa te auxilia a pensar como criar suas campanhas de marketing e como direcionar suas estratégias. Se o seu público-alvo é, em maioria jovem, por exemplo, é interessante criar ações voltadas para este público. Esse trabalho fará com que suas campanhas tenham maior aproveitamento, otimizando seu tempo e investimentos.

Criando uma persona

Criar uma persona é um dos pontos mais importantes na estratégia de marketing do seu negócio. Ela vai ajudar a traçar o perfil do seu público e entender melhor como seu conteúdo será direcionado, a partir destas informações. Para dar início à criação da persona da sua marca, é preciso realizar um questionário com uma série de perguntas importantes. Responda-as pela ótica do seu público. Essas informações irão guiar sua estratégia posteriormente, por isso, é importante responder com muita atenção.

Sugestões de perguntas básicas para criação de persona:

  1. Quem é o cliente? – Diagnóstico das características físicas e psicológicas (por exemplo gênero, idade, virtudes, desejos)
  2. Qual profissão, renda média mensal, escolaridade?
  3. Qual assunto despertaria a atenção dele?
  4. Que tipo de atividade ele costuma fazer? – Análise da vida pessoal e profissional
  5. Quais são os desafios e obstáculos dele e como ele os encara?
  6. Que tipo de informação ele costuma procurar e em que canais?
  7. Em quem confia e quem o influencia nas suas decisões?
  8. Quais produtos ou serviços ele costuma consumir ou adquirir?
  9. Por qual meio gostaria de ser contatado? Como gostaria de receber as promoções?
  10. Por qual meio ele costuma comprar um produto ou adquirir um serviço?

Após concluir o questionário e a criação da sua persona, anote informações pertinentes que possam traçar um perfil completo. Por exemplo: a persona do meu negócio se chama (Nome), do gênero (x ou y), tem (idade) anos, trabalha em (área de atuação), não tem filhos, mora só e consome conteúdo nas redes sociais (x e y). Dessa forma, você tem um personagem fictício que representa o público que consome seu conteúdo. Esse personagem tem uma série de características próprias, que serão a base da sua estratégia de marketing, por exemplo.

Conhecendo a buyer persona

Buyer personas são arquétipos de clientes reais, criados a partir de entrevistas com o público de uma empresa. Ao contrário da persona, que é um personagem fictício, a buyer persona retrata as pessoas que já se tornaram clientes do seu negócio. Utilizar esta estratégia para conhecer melhor o seu público é bastante interessante, já que as informações são reais. Isso vai ajudar a fazer uma avaliação crítica sobre seu empreendimento.

Para definir sua buyer persona, é necessário coletar dados sobre os seus clientes. É possível fazer isso através de formulários on-line, por entrevistas presenciais ou telefone, questionários ou pesquisas nas redes sociais. Entre as perguntas importantes a serem feitas estão:

  • Idade
  • Gênero
  • Estado civil
  • Escolaridade
  • Profissão
  • Empresa
  • Cargo
  • Hábitos
  • Gostos e preferências
  • Estilo de vida
  • Frustrações e Dores
  • Necessidades
  • Desafios no trabalho e na vida pessoal
  • Objetivos de vida
  • Inspirações
  • Quais redes sociais utilizam
  • Mídias e formatos de conteúdo favoritos
  • Principais tecnologias utilizadas
  • Por onde costumam se informar
  • Assuntos de interesse
  • Principais influências

Conhecer sua audiência é fundamental para que seu negócio funcione. Isso porque, ao traçar o perfil do seu público, é possível criar campanhas e conteúdos específicos para eles. Essa estratégia gera identificação, o que atrai os clientes para sua marca e faz com que se tornem fãs. Quando sua empresa gera ações muito genéricas ou voltadas para todos os tipos de pessoas, existem grandes chances de que esses conteúdos não impactem diretamente ninguém. Isso acontece porque, ao tentar atingir todos os públicos de uma vez, sua marca acaba não se aprofundando e nem criando conteúdo de valor.

Por isso, estude e pesquise muito! Faça questionários internos e externos e busque o máximo de informações sobre o seu público. Quanto mais você souber sobre ele, melhor serão suas estratégias.

Gostou do nosso conteúdo? Aproveite para se aprofundar nos seus estudos sobre empreendedorismo com o Sebrae! Separamos um material exclusivo para você.

 

Para conseguir alavancar as vendas do seu negócio, é preciso, antes de tudo, conhecer muito bem o seu público. Isso porque, sabendo dos seus gostos, rotina e preferências, é possível personalizar seus produtos e serviços, bem como sua forma de vender. Tudo para oferecer a melhor alternativa para o seu cliente. Conhecê-lo a fundo faz com que sua empresa sempre saiba quais as melhores formas de atraí-lo. Além disso, conhecer seu público permite que você entenda suas dores e traga soluções direcionadas. Dessa forma, o cliente sente-se conectado com sua marca.

Descubra, com o Sebrae, como conhecer melhor o público da sua futura empresa!

Entenda seu público-alvo

Como descobrir mais informações sobre o público da minha empresa?

O público-alvo é aquela parcela da população que se interessa pela sua marca, pelo universo em que ela está inserida e pelo conteúdo que ela gera. Essas pessoas se identificam com o seu negócio e tendem a comprar seus produtos e serviços. Para traçar o perfil do seu público-alvo, é importante combinar as características do seu negócio com uma série de informações sobre os clientes, como localização, gênero e idade, por exemplo.

Um modelo de público-alvo: mulheres, entre 20 e 30 anos, residentes de São Paulo, com formação superior, classe B, renda entre R$ 4.000,00 e R$ 6.000,00, apaixonadas por moda e decoração.

Determinar o público-alvo da sua empresa te auxilia a pensar como criar suas campanhas de marketing e como direcionar suas estratégias. Se o seu público-alvo é, em maioria jovem, por exemplo, é interessante criar ações voltadas para este público. Esse trabalho fará com que suas campanhas tenham maior aproveitamento, otimizando seu tempo e investimentos.

Criando uma persona

Criar uma persona é um dos pontos mais importantes na estratégia de marketing do seu negócio. Ela vai ajudar a traçar o perfil do seu público e entender melhor como seu conteúdo será direcionado, a partir destas informações. Para dar início à criação da persona da sua marca, é preciso realizar um questionário com uma série de perguntas importantes. Responda-as pela ótica do seu público. Essas informações irão guiar sua estratégia posteriormente, por isso, é importante responder com muita atenção.

Sugestões de perguntas básicas para criação de persona:

  1. Quem é o cliente? – Diagnóstico das características físicas e psicológicas (por exemplo gênero, idade, virtudes, desejos)
  2. Qual profissão, renda média mensal, escolaridade?
  3. Qual assunto despertaria a atenção dele?
  4. Que tipo de atividade ele costuma fazer? – Análise da vida pessoal e profissional
  5. Quais são os desafios e obstáculos dele e como ele os encara?
  6. Que tipo de informação ele costuma procurar e em que canais?
  7. Em quem confia e quem o influencia nas suas decisões?
  8. Quais produtos ou serviços ele costuma consumir ou adquirir?
  9. Por qual meio gostaria de ser contatado? Como gostaria de receber as promoções?
  10. Por qual meio ele costuma comprar um produto ou adquirir um serviço?

Após concluir o questionário e a criação da sua persona, anote informações pertinentes que possam traçar um perfil completo. Por exemplo: a persona do meu negócio se chama (Nome), do gênero (x ou y), tem (idade) anos, trabalha em (área de atuação), não tem filhos, mora só e consome conteúdo nas redes sociais (x e y). Dessa forma, você tem um personagem fictício que representa o público que consome seu conteúdo. Esse personagem tem uma série de características próprias, que serão a base da sua estratégia de marketing, por exemplo.

Conhecendo a buyer persona

Buyer personas são arquétipos de clientes reais, criados a partir de entrevistas com o público de uma empresa. Ao contrário da persona, que é um personagem fictício, a buyer persona retrata as pessoas que já se tornaram clientes do seu negócio. Utilizar esta estratégia para conhecer melhor o seu público é bastante interessante, já que as informações são reais. Isso vai ajudar a fazer uma avaliação crítica sobre seu empreendimento.

Para definir sua buyer persona, é necessário coletar dados sobre os seus clientes. É possível fazer isso através de formulários on-line, por entrevistas presenciais ou telefone, questionários ou pesquisas nas redes sociais. Entre as perguntas importantes a serem feitas estão:

  • Idade
  • Gênero
  • Estado civil
  • Escolaridade
  • Profissão
  • Empresa
  • Cargo
  • Hábitos
  • Gostos e preferências
  • Estilo de vida
  • Frustrações e Dores
  • Necessidades
  • Desafios no trabalho e na vida pessoal
  • Objetivos de vida
  • Inspirações
  • Quais redes sociais utilizam
  • Mídias e formatos de conteúdo favoritos
  • Principais tecnologias utilizadas
  • Por onde costumam se informar
  • Assuntos de interesse
  • Principais influências

Conhecer sua audiência é fundamental para que seu negócio funcione. Isso porque, ao traçar o perfil do seu público, é possível criar campanhas e conteúdos específicos para eles. Essa estratégia gera identificação, o que atrai os clientes para sua marca e faz com que se tornem fãs. Quando sua empresa gera ações muito genéricas ou voltadas para todos os tipos de pessoas, existem grandes chances de que esses conteúdos não impactem diretamente ninguém. Isso acontece porque, ao tentar atingir todos os públicos de uma vez, sua marca acaba não se aprofundando e nem criando conteúdo de valor.

Por isso, estude e pesquise muito! Faça questionários internos e externos e busque o máximo de informações sobre o seu público. Quanto mais você souber sobre ele, melhor serão suas estratégias.

Gostou do nosso conteúdo? Aproveite para se aprofundar nos seus estudos sobre empreendedorismo com o Sebrae! Separamos um material exclusivo para você.

 


Continuar Lendo

Confira todos os conteúdos que o Sebrae MS disponibiliza para você!
Clique aqui e acesse diversos temas de empreendedorismo para guiar a sua jornada.






Deixe um comentário